Imprensa livre e independente
16 de maio de 2017, 20h44

Al Jazeera detona Globo e sua cobertura da greve geral de 28 de abril

A mais importante rede de televisão dos países árabes e com inserção no mundo todo fez um especial sobre a cobertura midiática da greve geral no Brasil e desmascarou a manipulação da Globo e o jogo de interesses com o governo Temer. Assista com legenda Por Redação A Al Jazeera, emissora do Catar e uma das maiores redes de televisão do mundo, veiculou na semana passada um especial sobre a cobertura da imprensa brasileira da greve geral de 28 de abril. A reportagem é extremamente crítica à Globo e outras emissoras privadas do país. Na matéria, o narrador analisa como...

A mais importante rede de televisão dos países árabes e com inserção no mundo todo fez um especial sobre a cobertura midiática da greve geral no Brasil e desmascarou a manipulação da Globo e o jogo de interesses com o governo Temer. Assista com legenda

Por Redação

A Al Jazeera, emissora do Catar e uma das maiores redes de televisão do mundo, veiculou na semana passada um especial sobre a cobertura da imprensa brasileira da greve geral de 28 de abril. A reportagem é extremamente crítica à Globo e outras emissoras privadas do país.

Na matéria, o narrador analisa como a Globo tentou minimizar a greve e sempre associar as paralisações a ações restritas dos sindicatos ou mesmo à violência e compara a cobertura com a que foi feita nas manifestações pró-impeachment da presidenta Dilma Rousseff, no ano passado.

“A mídia no Brasil é um oligopólio dominado por poucos grupos. Há interesses econômicos muito fortes influenciando a narrativa. Há muito pouco espaço para a classe trabalhadora. É sempre a elite falando para o povo com sua própria ideologia e visão de mundo”, diz, em um dos trechos do especial.

Veja também:  Vaza Jato: Dallagnol e Moro combinaram de usar dinheiro da 13ª Vara de forma ilegal

Assista.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum