Imprensa livre e independente
14 de setembro de 2018, 09h15

Assista ao vivo: entrevista coletiva com Celso Amorim e Dominique de Villepin

Celso Amorim, presidente do Comitê de Solidariedade Internacional em Defesa de Lula e da Democracia no Brasil e ex-ministro das Relações Exteriores e da Defesa (Brasil), e Dominique de Villepin, ex-primeiro ministro da França, falam sobre o seminário internacional “Ameaças à Democracia e a Ordem Multipolar”

Foto: Reprodução
Celso Amorim, presidente do Comitê de Solidariedade Internacional em Defesa de Lula e da Democracia no Brasil e ex-ministro das Relações Exteriores e da Defesa (Brasil), e Dominique de Villepin, ex-primeiro ministro da França, falam sobre o seminário internacional “Ameaças à Democracia e a Ordem Multipolar”, que acontecerá no dia 14 de setembro de 2018, sexta-feira em São Paulo (SP). O evento também contará com transmissão ao vivo pelo canal da Fundação Perseu Abramo. Seminário “Ameaças à Democracia e a Ordem Multipolar”   A Fundação Perseu Abramo (FPA) realizará durante todo o dia 14 de setembro o seminário internacional “Ameaças...

Celso Amorim, presidente do Comitê de Solidariedade Internacional em Defesa de Lula e da Democracia no Brasil e ex-ministro das Relações Exteriores e da Defesa (Brasil), e Dominique de Villepin, ex-primeiro ministro da França, falam sobre o seminário internacional “Ameaças à Democracia e a Ordem Multipolar”, que acontecerá no dia 14 de setembro de 2018, sexta-feira em São Paulo (SP). O evento também contará com transmissão ao vivo pelo canal da Fundação Perseu Abramo.

Seminário “Ameaças à Democracia e a Ordem Multipolar”

 

A Fundação Perseu Abramo (FPA) realizará durante todo o dia 14 de setembro o seminário internacional “Ameaças à Democracia e a Ordem Multipolar”, uma iniciativa de Celso Amorim, com a presença de pensadores e políticos de prestígio internacional.

O seminário é fechado, com participação restrita, mas contará com transmissão ao vivo pelo canal da FPA no YouTube e por sua página no Facebook, com tradução simultânea em português, espanhol e inglês.

Confira a programação:

9h | Sessão de abertura
– Marcio Pochmann, presidente da Fundação Perseu Abramo; e
– Gleisi Hoffmann, senadora e presidenta do Partido dos Trabalhadores.

Veja também:  Diplomata, Marcelo Calero dispara contra fala de Bolsonaro sobre embaixadores brasileiros

9h20-13h | Mesa 1 – A democracia e a crise do multilateralismo no mundo contemporâneo
Expositora/es:
– Dominique de Villepin, ex-primeiro-ministro da França;
– Massimo D’Alema, ex-primeiro-ministro da Itália;
– Pierre Sané, ex-secretário geral da Anistia Internacional e presidente do Imagine Africa Institute (Senegal);
– Jorge Taiana, deputado do Parlamento do Mercosul e ex-ministro das Relações Exteriores da Argentina; e
– Marilena Chaui, filósofa e professora emérita da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (Brasil).
Coordenação da mesa: Celso Amorim, ex-ministro das Relações Exteriores e da Defesa e presidente do Comitê de Solidariedade Internacional em Defesa de Lula e da Democracia no Brasil.

11h-11h15 | Pausa para o café

11h15-12h15 | Debate com o público

12h15-13h | Conclusões da/os expositora/es

14h-17h45 | Mesa 2 – O progressismo e o neoliberalismo em um mundo em desenvolvimento
Expositores:
– Noam Chomsky, professor emérito em linguística do Instituto de Tecnologia de Massachusetts e professor laureado de linguística na Universidade do Arizona (Estados Unidos da América);
– Luiz Carlos Bresser Pereira, professor emérito da Fundação Getúlio Vargas (Brasil);
– Cuauhtémoc Cárdenas, presidente do Centro Lázaro Cárdenas y Amalia Solórzano e ex-governador do Distrito Federal do México;
– Carlos Ominami, ex-senador e diretor da Fundación Chile 21 (Chile); e
– José Luís Rodrigues Zapatero, ex-primeiro-ministro da Espanha.
Coordenação de mesa: Miriam Belchior, ex-ministra do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão do governo Dilma Rousseff.

Veja também:  Capa de O Dia detona Eduardo Bolsonaro: “chapeiros cariocas também querem embaixada”

15h50-16h05 | Pausa para o café

16h05-17h05 | Debate com o público

17h05-17h50 | Conclusões dos expositores

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum

#tags