Imprensa livre e independente
30 de maio de 2018, 16h06

Assista: Petroleiros tiram dúvidas sobre o preço dos combustíveis

O Coordenador do Sindipetro-NF, Tezeu Bezerra, o Coordenador da FUP, José Maria Rangel e o economista do INEEP, Rodrigo Leão, vão esclarecer através de uma transmissão coletiva as dúvidas sobre a crise de combustíveis e a greve nacional dos petroleiros e petroleiras.

Os petroleiros vão tirar dúvidas sobre a greve, iniciada nesta quarta (30). “Junto a uma equipe de peso de comunicadores, iremos falar sobre a política de preços que Pedro Parente e Michel Temer impuseram à Petrobrás, e como isso gerou o caos social dos últimos dias. Os petroleiros seguem lutando por uma Petrobrás forte, pública e a serviço do trabalhador brasileiro”, comenta José Maria. A transmissão será das 16h às 18h com a participação dos seguintes veículos: O Cafezinho/Miguel do Rosário; DCM/Kiko Nogueira; Fórum/Renato Rovai; GGN/Luis Nassif ; Socialista Morena/Cynara Menezes; Conversa Afiada/Paulo Henrique Amorim; Tijolaço/Fernando Brito e Brasil 247/Leonardo...

Os petroleiros vão tirar dúvidas sobre a greve, iniciada nesta quarta (30). “Junto a uma equipe de peso de comunicadores, iremos falar sobre a política de preços que Pedro Parente e Michel Temer impuseram à Petrobrás, e como isso gerou o caos social dos últimos dias. Os petroleiros seguem lutando por uma Petrobrás forte, pública e a serviço do trabalhador brasileiro”, comenta José Maria.

A transmissão será das 16h às 18h com a participação dos seguintes veículos: O Cafezinho/Miguel do Rosário; DCM/Kiko Nogueira; Fórum/Renato Rovai; GGN/Luis Nassif ; Socialista Morena/Cynara Menezes; Conversa Afiada/Paulo Henrique Amorim; Tijolaço/Fernando Brito e Brasil 247/Leonardo Attuch.

Veja também:  Bolsonaro sinaliza vice evangélico em 2022: "Pode ser. Não quero queimar o Mourão agora"

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum