Imprensa livre e independente
27 de outubro de 2018, 13h15

Ato de resistência marca aniversário de Lula na vigília em Curitiba

Preso injustamente há mais de 200 dias, Lula faz neste sábado (27) anos e familiares, amigos e militantes promovem uma série de ações em homenagem ao ex-presidente

Fotos: Eduardo Matysiak Por Luiz Lomba, da Agência PT de Notícias Um ato de resistência na Praça Olga Benário, Curitiba (PR), marcou a abertura das comemorações do aniversário de 73 anos do ex-presidente Lula, na Vigília Lula Livre. Uma batucada da Juventude do MST embalou os militantes, que fizeram um jogral para lembrar a repressão policial e a resistência popular na noite de 7 de abril, quando Lula chegou como preso político à Polícia Federal. Os militantes recordaram o nascimento da Vigília, que se estabeleceu inicialmente no cruzamento de duas ruas vizinhas à Polícia Federal, para onde os militantes foram obrigados a recuar...

Fotos: Eduardo Matysiak

Por Luiz Lomba, da Agência PT de Notícias

Um ato de resistência na Praça Olga Benário, Curitiba (PR), marcou a abertura das comemorações do aniversário de 73 anos do ex-presidente Lula, na Vigília Lula Livre. Uma batucada da Juventude do MST embalou os militantes, que fizeram um jogral para lembrar a repressão policial e a resistência popular na noite de 7 de abril, quando Lula chegou como preso político à Polícia Federal.

Os militantes recordaram o nascimento da Vigília, que se estabeleceu inicialmente no cruzamento de duas ruas vizinhas à Polícia Federal, para onde os militantes foram obrigados a recuar à força de bombas, balas de borracha e gás lacrimogêneo. “Resistimos e montamos aqui a nossa trincheira. Hoje avançamos e damos bom dia, boa tarde e boa noite para Lula na frente da PF”, registrou o jogral.

Em seguida um ato político cultural deu sequência à programação do festival, com a leitura de uma carta da Vigília a Lula. O texto critica o Judiciário. “Esse Poder que atua no tempo político, que limita o direito constitucional à ampla defesa, que usa dois pesos e duas medidas no seu processo, no fundo impedindo o povo brasileiro de votar no candidato com quem se identifica”, diz trecho do documento.

Veja também:  Após facada, Bolsonaro disse no hospital que eleição estava ganha: "Agora não precisa fazer mais nada"

Ao longo do dia, apresentações artísticas e discursos vão se revezar no palco montado na Vigília. A Brigada Latino-Americana marca presença com militantes de 13 países que participaram de um curso de formação com o MST.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum