Avatar de idelberavelar

idelberavelar

  • A derrota dos EUA no Iraque: o declínio de um modelo

    Foi uma das derrotas mais acachapantes da era moderna. Quatro mil e quinhentas vidas norte-americanas, centenas de milhares de vidas iraquianas, um pacote de mentiras, um trilhão de dólares e nove anos depois, os EUA recolhem as armas e saem do Iraque vencidos, sem jamais terem verdadeiramente controlado uma única rua iraquiana. Como apontou, em […]

  • Biblioteca Latino-Americana: Xangô, o grande fodão [Changó, el gran putas] (1983), de Manuel Zapata Olivella

    . Como sabe quem tem acompanhado este blogue, a tag Biblioteca Latino-Americana é um cantinho reservado aqui na Fórum para uma coleção de notas introdutórias, breves resenhas que apresentam o leitor brasileiro a obras canônicas do pensamento hispano-americano. Minha ideia até agora era ater-me à tradição ensaística do continente, mas meu contato, nas últimas semanas, […]

  • Notas sobre o retrocesso político brasileiro

    . Na caixa de comentários deste texto recente do Raphael Tsavkko, apareceu uma divergência entre dois amigos queridos, que eu reputo entre os comentaristas políticos mais lúcidos da internet, o Raphael Neves e o Celso de Barros. O ponto central do texto do Tsavkko é a crítica à ideia de que a esquerda teria que […]

  • Vitória histórica do Estado Laico no Rio Grande do Sul

    Numa época em que posses de Ministros se transformam em ocasiões para chamadas de “Glória a Deus”, em que uma importante cidade brasileira aprova leis inconstitucionais obrigando alunos de escolas públicas a rezar o Pai-Nosso, em que gays são assassinados ou espancados diariamente como resultado da homofobia obscurantista desatada em 2010, em que as religiões […]

  • Entrevista a “O Povo”, de Fortaleza, sobre movimentos sociais

    A jornalista Júlia Lopes, do jornal O Povo, de Fortaleza, me solicitou uma entrevista sobre os movimentos de ocupação e demais movimentos sociais de emergência recente. Ela está publicada na edição de hoje do jornal (página 45). Como a versão publicada lá traz alguns dos cortes normais na imprensa que trabalha com limite de caracteres, […]

  • “Por quê …?”, de Juan L. Ortiz

    Juan L. Ortiz (Juanele) nasceu em 11 de junho de 1896 em Puerto Ruiz, Entre Ríos. Em 1942 mudou-se a Paraná, capital da mesma província, onde morou até sua morte, em 2 de setembro de 1978. Com a exceção de algumas rápidas idas a Buenos Aires e uma breve visita à China e a outros […]

  • USP-Ariel: as minutas de uma afronta ao direito internacional

    Através da pesquisa pioneira de Indra Seixas Neiva, que escreveu um Trabalho de Conclusão de Curso sobre a história das relações da Universidade de São Paulo com Israel, a Revista Fórum chegou a um documento grave e preocupante: as minutas do convênio de cooperação acadêmica entre a USP e a Universidade de Ariel. O pdf […]

  • A sobrevaloração de Julio Cortázar no Brasil: um capítulo de nossa ignorância sobre os vizinhos

    . Introdução Imagine um hipotético doutorando argentino apresentando na Universidade de Buenos Aires um projeto de tese que comparasse as obras musicais de É O Tchan e Pixinguinha. Certamente esse hipotético estudante seria considerado um doido varrido ou desavisado por qualquer brasileiro com um mínimo conhecimento da nossa música. Isso não quer dizer, claro, que […]

  • Sete teses sobre as ocupações de 2011

    Um ano atrás, quem imaginaria que uma multidão insistente e pacífica, sem quaisquer laços com a Irmandade Muçulmana, retornaria à Praça Tahrir uma e outra vez, durante semanas, até derrubar o ditador egípcio Hosni Mubarak? Quem teria previsto que um movimento de ocupação popular, de contornos antineoliberais e, em alguns momentos, anticapitalistas, varreria os EUA […]

  • Declaração de Zaffaroni sobre o julgamento de Baltasar Garzón

    O jurista Eugenio Raúl Zaffaroni, um dos penalistas mais destacados do mundo contemporâneo, sem dúvida o mais expressivo da América Latina, membro da Suprema Corte argentina desde 2003, deu uma declaração que me parece cristalina sobre o julgamento de Baltasar Garzón na Espanha. Ela é particularmente importante porque suspende qualquer discussão sobre se Garzón estava […]

  • Wando (1945-2012): adeus a um gigante pioneiro e sedutor

    Morreu hoje, aos 66 anos, na CTI do Biocor de Nova Lima, Minas Gerais, um gigante da música brasileira: Wando, compositor de algumas pérolas conhecidas por uma legião de brasileiros, cantor de extraordinários recursos técnicos, exímio violonista, pioneiro no desbravamento de uma série de temas tabu durante a ditadura – como a homossexualidade ou a […]

  • Da arte das armadilhas, de Ana Martins Marques

    A poeta mineira Ana Martins Marques estreou em livro em 2009, com A Vida Submarina (Editora Scriptum), que reunia os poemas premiados em 2007 e 2008 naquele que era o mais antigo prêmio literário do Brasil, o Prêmio Cidade de Belo Horizonte (suspenso em 2011). Saudado na Revista Bravo!, na Folha de São Paulo e […]

  • Bibliografia comentada: 50 leituras sobre o ecocídio de Belo Monte, 2ª parte

    Na primeira parte desta série, apresentei 25 referências chave para se entender o que o governo federal e o consórcio Belo Monte estão fazendo com as populações indígenas, ribeirinhas e lavradoras do Xingu, e também com o ecossistema da região. Lá estão, comentadas e lincadas, matérias que mostram toda a cronologia do caso, as ilegalidades […]