Blog do Rovai

15 de novembro de 2017, 08h46

Um papo sobre os motivos que levaram Fórum a publicizar o processo de Frota

Não espero convencer ninguém com o vídeo, mas deixar claro que não decidimos por divulgar o processo de Frota por motivo fútil

Ontem à noite, em meio ao jogo entre Inglaterra x Brasil, abri um live no Facebook da Fórum para debater por que decidimos publicar a reportagem tratando do processo que o ator Alexandre Frota moveu contra o Saúde Bradesco.
Algumas pessoas ficaram incomodadas por considerarem que não havia interesse jornalístico no assunto e que ele era exclusivamente da esfera privada. Discordo, mas compreendo as preocupações. E por isso realizei essa conversa de quase 1 hora.
Nele tento responder ponto a ponto, por exemplo, como se define o interesse jornalístico de um assunto. E quais os limites entre público e privado quando alguém usa o preconceito politicamente e como arma de ataque.
Na conversa, por exemplo, recordei da publicização, por quase todos os maiores jornais do mundo, da história do supremacista branco americano que foi flagrado em ato sexual com um homem negro.
Enfim, não espero convencer ninguém com o vídeo, mas deixar claro que não decidimos por divulgar o processo de Frota por motivo fútil, como ter meia dúzia a mais de cliques, que, ainda bem, não têm feito falta à Fórum já há muito tempo.

Veja também:  Folha de S.Paulo e repórter são condenados por denunciar morosidade em vara do poder judiciário

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum