Blog do Maringoni

política

  • Bacurau: Estava demorando…

    A direita e o conservadorismo decidiram que Bacurau é um filme ruim, raso, populista e de narrativa pobre (...) Vejamos Bacurau! Sejamos Bacurau! Bacurauzemo-nos todos!

  • Gilberto Maringoni: Future-se é o programa de desmonte da universidade

    Direitos e serviços públicos não são negócios regidos pelas sacrossantas leis do mercado, mas pelo benefício universal que geram. O modelo de gestão proposto pelo "Future-se" é o "Vire-se" para captar recursos. Quem conseguir dinheiro, segue funcionando - com alta ingerência de investidores nos conteúdos pedagógicos - e quem não conseguir, adentrará literalmente no programa "Foda-se"

  • Democracia e Vertigem é um filmaço, por Gilberto Maringoni

    A sensação de estupefação e entorpecimento de espectador no final da fita pouco a pouco se desvanece quando atentamos para o som ao redor e percebemos que o admirável mundo novo dos milicianos de toga, farda e terno começa a apresentar rombos no casco.

  • Venezuela: quem fala pela oposição agora?

    Buscando conquistar o poder político por fora das vias institucionais, o limitado parlamentar abre mão de se colocar como interlocutor em qualquer mesa de negociação

  • Ação irresponsável evidencia isolamento de Guaidó

    Não se sabe quem compõe o Estado maior da oposição venezuelana, ou se o jovem deputado age por impulsos próprios. O certo é que pela segunda vez mostra não ter a menor percepção do que significa correlação de forças

  • Preço do Diesel: a primeira grande crise do governo

    O capitão está diante de uma "escolha de Sofia". Qualquer aumento representará uma traição aos profissionais de transporte, cuja situação é brutalmente penalizada pela crise econômica. De outra parte, a alta finança não saciará sua sede de lucros

  • A Vale antes da lama

    Na Companhia Vale do Rio Doce, entre 1942 e 1997 - período em que pertenceu ao Estado brasileiro - nunca houve desastre ambiental que chegasse perto dos de Mariana e Brumadinho

  • Venezuela: Não é possível contestar a legitimidade de Maduro sem fazer coro com a direita

    "É difícil apoiar o governo Maduro, tamanha é sua incompetência e conduta reprovável em várias frentes. Mas é um governo eleito e legítimo. As pressões por sua queda se originam na cobiça de Washington pelas reservas petrolíferas venezuelanas. Não há neutralidade possível ou oposição que não favoreça o ultraliberalismo no país vizinho"

  • O autor, o autor!

    Gilberto Maringoni: “O partido fardado parece ser - até agora - quem mais externa desconforto com as peripécias da família. Mesmo assim, é difícil identificar claramente de onde partiu o torpedo”