Blog do George Marques

direto do Congresso Nacional

Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
18 de fevereiro de 2019, 12h36

Centrais sindicais vão expor nomes de apoiadores da Reforma da Previdência em outdoors

Centrais sindicais baterão o martelo na quarta sobre principais estratégias de pressão contra reforma nas aposentadorias, entre elas a exposição em outdoors dos apoiadores da Reforma

Foto: Reprodução

No mesmo dia em que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) apresentará ao Congresso Nacional a redação final da proposta de Reforma da Previdência, quarta-feira (20), lideranças das principais centrais sindicais do país reunirão em Brasília e São Paulo para acertar as estratégias de pressão junto às bancadas. Entre elas está a de expor em outdoors, na Esplanada dos Ministérios e em bases eleitorais, a posição dos deputados favoráveis ao projeto.

Já nos Estados, a ideia é colocar vereadores e deputados estaduais para pressionar prefeitos e governadores e, com isso, ampliar o leque de pressão sobre os deputados federais, responsáveis por aprovar ou vetar a proposta de reforma das aposentadorias.

Em Brasília sindicalistas apostarão no corpo a corpo com deputados nas comissões da Câmara.

Com um discurso afinado contra o texto, as centrais dividiram o contato com parlamentares da seguinte forma: a Central Única dos Trabalhadores (CUT) irá dialogar com os parlamentares do PT. Já a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), com os do PCdoB. A Intersindical ficará com os do PSOL.

A União Geral dos Trabalhadores (UGT) vai procurar os deputados do PPS, PSD e PTB. A CSB, com os do MDB e PDT. A Força Sindical buscará diálogo com parlamentares do DEM, PSDB e Solidariedade.

Ciente de que haverá desgaste em torno do projeto, e que a principal batalha em torno da reforma passa pela comunicação, o Palácio do Planalto tem em mãos peças de marketing prontas para serem distribuídas nas redes sociais, na TV e no Whatsapp defendendo a necessidade de reforma. O governo irá reforçar que se não houver reforma o Brasil vai quebrar.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum