Blog do George Marques

direto do Congresso Nacional

Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
30 de Maio de 2019, 18h54

PSOL vai à PGR contra Weintraub após ministro incitar perseguição a professores

MEC orienta que população denuncie quem estimular manifestações em horário escolar; para o PSOL atitude do ministro "fere a livre manifestação de pensamento dos professores"

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A bancada de deputados federais do PSOL protocolou na tarde desta quinta-feira (30) representação contra o ministro da Educação, Abraham Weintraub, na Procuradoria Geral da República (PGR), devido a nota divulgada na qual o Ministério tenta proibir a livre manifestação e incentiva denúncias contra servidores que participarem.

Na quarta-feira (29) Weintraub divulgou um vídeo em suas redes sociais abrindo um canal de “denúncias” para receber “provas” de professores que estejam coagindo alunos de escolas públicas a participarem de manifestações.

O anúncio aconteceu às vésperas dos atos convocados contra o governo Jair Bolsonaro (PSL), que ganharam força após bloqueios de recursos dos institutos federais de ensino pelo Ministério da Educação (MEC).

O PSOL argumenta que Weintraub fere a Constituição ao ameaçar estudantes, professores e técnicos das escolas públicas de todo o Brasil.

O partido afirma que não há dúvidas que a nota do Ministério da Educação viola a Constituição Federal. “É uma peça destinada a intimidar o livre exercício do pensamento (garantido no artigo 5º, IV), de expressão (artigo 5º, IX), de manifestação pacífica (artigo 5º, XVI) e ao direito de greve (artigo 9º) e da autonomia universitária (art. 207). É um ataque a própria Constituição Federal, naquilo que representa a sua essência, a liberdade dos brasileiros”, argumenta a bancada na representação.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum