Anonymous vão fazer ataques e manifestações no dia 30

No próximo dia 30, os Anonymous vão realizar uma operação mundial, chamada de operação Onslaught. Os ativistas brasileiros vinculados ao grupo prometem que o Brasil não vai ficar de fora desse protesto. Serão ações on-line e off-line que têm por objetivo divulgar os objetivos do grupo e os seus canais de comunicação. Na rede, os […]

No próximo dia 30, os Anonymous vão realizar uma operação mundial, chamada de operação Onslaught. Os ativistas brasileiros vinculados ao grupo prometem que o Brasil não vai ficar de fora desse protesto.

Serão ações on-line e off-line que têm por objetivo divulgar os objetivos do grupo e os seus canais de comunicação.

Na rede, os Anonymous vai invadir sites pra divulgar o endereço do grupo, além de também divulgá-lo com mensagens via redes sociais.

No caso das ações nas redes sociais, os Anonymous utilizarão seus perfis verdadeiros e escreverão mensagens com toque informativo e não agitativo, para não revelarem suas identidades.

As ações off-line envolverão colagem de cartazes, grafitagem e protestos no padrão flash mob em ruas de algumas capitais.

Nesta mesma data, o grupo lulzsecbrazil (que atacou recentemente sites de alguns ministérios) promete fazer uma grande movimentação em sites brasileiros, com uma ação que estão denominando de “deface”, ou seja, a alteração da página principal do site.

Esta deve ser a última ação do movimento no Brasil que, assim como o lulzSec internacional, vai encerrar as atividades.

No caso do Brasil, o grupo promete ainda colocar em seu site diversas informações sobre políticos brasileiros colhidas através da invasão de sites e emails.

Há uma preocupação do LulzSec de não ser confundido com grupos de oposição ao atual governo e um de seus líderes, SilverLords, em conversa com o Marco Biruel, que junto com este blogueiro sujo está trabalhando numa matéria para a capa da próxima edição da Fórum, afirmou que eles têm os dados dos email de José Dirceu e de Dilma, mas que também invadiram o email de uma importante liderança do PSDB. E que “na hora certa” vão divulgar as informações obtidas.

Boa parte das informações coletadas para essa nota foi obtida pelo Marco Biruel com a Farfala (borboleta, em italiano) que pertence ao Anonymous brasileiro. Também fiz uma longa entrevista com a Farfalla que vai fazer parte da matéria da Fórum impressa de agosto.

A Farfallla me enviou um comentário que subo para o post por considerá-lo importante do ponto de vista informativo:
Ola Rovai,
tudo bom?

Eu queria só esclarecer que nossa divulgação online NÃO terá ataques a sites feito pelo Anonymous. Nossa programção inclui apenas tuitaços, divulgação via facebook e outras redes sociais, email-s etc. Estamos dividindo equipes para conseguirmos um amplo alcance.
Já a LulzSec brasileira, que tem nos apoiado grandemente, fará suas intervenções na rede como o público já conhece.
Realmente desejamos que as pessoas não caiam na onda de acharem que somos terroristas, bandidos, como tem sido dito por aí. Acreditamos que cada geração luta com as armas e artifícios de seu tempo. Nossa arma é a informação, o conhecimento e a inteligência. Jamais tomaremos qualquer qualquer medida contra o povo: Anonymous é o povo. Não dizemos isso com fins partidários ou políticos, de esquerda ou de direita…Realmente somos o povo porque o povo é múltiplo, diverso em tudo e ainda, acreditamos ter pelo menos uma coisa em comum: desejo de mudança!
Aguardamos ansiosos a publicação da revista e mais uma vez agradecemos!

Avatar de Renato Rovai

Renato Rovai

Jornalista, mestre em Comunicação pela ECA/USP e doutor pela UFABC. Mantém o Blog do Rovai. É editor da Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR