Duzentos mil reais cabem na sua gaveta?

Leiam o trecho a seguir da matéria da revista Veja assinada pelos repórteres Diego Escosteguy e Otávio Cabral. “ (…) Vinicius se sentou, acomodou sua pasta preta em cima da mesa e abriu a gaveta. O advogado tomou um susto: havia ali um envelope pardo. Dentro, 200 mil reais em dinheiro vivo – um “presentinho” […]

Leiam o trecho a seguir da matéria da revista Veja assinada pelos repórteres Diego Escosteguy e Otávio Cabral.

“ (…) Vinicius se sentou, acomodou sua pasta preta em cima da mesa e abriu a gaveta.
O advogado tomou um susto: havia ali um envelope pardo. Dentro, 200 mil reais em dinheiro vivo – um “presentinho” da turma responsável pela usina de corrupção que operava no coração do governo Lula”.

Pergunto aos repórteres da Veja, qual o tamanho do envelope pardo em que foram colocados os duzentos mil reais?

Já que eles sabem de detalhes do ocorrido se poderiam informar se as notas eram de 100 reais, de 50 reais ou mais sortidas, vamos dizer assim.

Se eram de 100 reais, seriam 2 mil notas.

Se de 50, 4 mil notas.

Gostaria de saber também se a gaveta do assessor Vinicius estava vazia ou tinha alguma coisa dentro?

Pura curiosidade.

Avatar de Renato Rovai

Renato Rovai

Jornalista, mestre em Comunicação pela ECA/USP e doutor pela UFABC. Mantém o Blog do Rovai. É editor da Fórum.