Grupo móvel resgata 60 trabalhadores na região de Marabá (PA)

Em ação que teve início no dia 26 de abril, o grupo móvel de fiscalização do trabalho resgatou 60 pessoas em situação degradante. Os trabalhadores estavam em três fazendas localizadas na região de Marabá (PA). Duas delas, a Tocantins e a São Carlos, são do mesmo dono, Nilton Martins da Costa. As propriedades, dedicadas à […]

Em ação que teve início no dia 26 de abril, o grupo móvel de fiscalização do trabalho resgatou 60 pessoas em situação degradante. Os trabalhadores estavam em três fazendas localizadas na região de Marabá (PA). Duas delas, a Tocantins e a São Carlos, são do mesmo dono, Nilton Martins da Costa. As propriedades, dedicadas à pecuária, somam 120 mil hectares e ficam em Itupiranga (PA). Segundo o coordenador da ação, o auditor fiscal Benedito de Lima e Silva, o fazendeiro teria mais propriedades de gado em outras regiões do Pará.

Nilton não assinava a carteira de trabalho dos empregados em nenhuma das duas fazendas, nem fornecia Equipamentos de Proteção Individual (EPI) – o que é obrigatório por lei. Os peões, que atuavam no roço de pasto, preparando o terreno para o gado, utilizavam botas que eles mesmos tinham comprado na cidade. A fiscalização registrou, ao todo, 13 autos de infração.

Leia mais em matéria de Beatriz Camargo no portal Repórter Brasil

Avatar de Renato Rovai

Renato Rovai

Jornalista, mestre em Comunicação pela ECA/USP e doutor pela UFABC. Mantém o Blog do Rovai. É editor da Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR