Blog do Mouzar

No rastro do crime ambiental nas praias do Nordeste
06 de agosto de 2018, 23h37

Filosofadas e uma constatação

Em seu blogue, Mouzar Benedito traz uma seleção de frases dos mais variados temas e uma constatação nada "filosófica"

Eleições são o assunto do momento. Mas é um assunto que vai-se tornando cada vez mais chato. Decidi variar…

Aí vai uma seleção de frases que colecionei sobre os mais variados temas. E termino com uma constatação que não tem nada de filosófica, mas vale para todos os homens. Mulheres não precisam dela…

 

Guimarães Rosa: “A colheita é comum, mas o capinar é sozinho”.

***

Anônimo (ouvido em Guaxupé – MG) “Já devo estar saindo de linha. Tudo que eu uso está parando de fabricar”.

***

Machado de Assis: “As mulheres pertencem aos mais atrevidos”.

***

Carmem Sylva: “Uma mulher é apedrejada pela ação que poderia ter sido praticada por um homem perfeito”.

***

Cornélio Pires: “A alegria é o prenúncio da amargura”.

***

Marquês de Maricá: “A companhia dos livros dispensa com grande vantagem a dos homens”.

***

Humberto de Campos: “Sê senhor de tua vontade e escravo de tua consciência”.

***

Humberto de Campos, de novo: “Dançar é rezar com as pernas”.

***

Humberto de Campos, mais uma vez: “Livro emprestado é como o corvo que Noé soltou na Arca. Vai e não volta mais”.

***

Marilyn Monroe: “A imperfeição é bela, a loucura é genial e é melhor ser absolutamente ridículo que absolutamente chato”.

***

Marilyn, de novo: “Mulheres comportadas raramente fazem história”

***

Afrânio Peixoto: “O coração é como uma catedral: tem o altar-mor, mas tem muitas capelas laterais”.

***

Vão Gogo (Millôr Fernandes): “Há certas pessoas que têm uma cultura excepcional. Quando se pergunta se elas têm uma enciclopédia, respondem logo: ‘Não! Que é que você quer saber?’”.

***

Vão Gogo, de novo: “Quando chegar a hora de os humildes herdarem o Reino do Céu, o imposto de renda vai ficar com mais da metade”.

***

Ditado popular: “Um desengano oportuno é um benefício importante”.

***

Alexandre Herculano: “Eu não me envergonho de corrigir e mudar as minhas opiniões, porque não me envergonho de raciocinar e aprender”.

***

Vitor Caruso: “Vítima do dever é o indivíduo perseguido pelos credores”.

***

D. Xiquote: “Se eu fosse o único homem do mundo, que conflagração entre as mulheres!”.

***

Ditado popular: “Com Deus no rosto e o diabo no coração”.

***

Clarice Lispector: “Até cortar os próprios defeitos pode ser perigoso. Nunca se sabe qual é o defeito que sustenta o edifício inteiro”.

***

Clarice Lispector, de novo: “Porque há o direito ao grito. Então eu grito”.

***

Walther Waeny: “Os banquetes são o lugar onde os ouvidos pagam o que a boca ingere”.

***

Waeny, de novo: “As melhores pessoas são sempre, a nosso ver, aquelas que se parecem conosco”.

***

Ditado popular: “Os credores têm melhor memória do que os devedores”.

***

Mário Donato: “Tudo que pagamos apenas com o dinheiro é sempre barato”.

***

Marques Rebelo: “Duvidar é evoluir, mas sem permitir que a dúvida se transforme em vício”.

***

Marques Rebelo, de novo: “A rua é uma mestra. Vale por uma enciclopédia”.

***

Ditado popular: “Duvidar é mais filosófico que decidir”.

***

Érico Veríssimo: “Uns escrevem para contar. Outros, para provar. Não poucos, para desabafar”.

***

Barão de Itararé: “A guerra é uma coisa tão absurda e incompreensível que, quando se registra um combate de amplas proporções, até as ‘baixas’ são altas”.

***

Leoni Kaseff: “Os que se mostram fortes contra os fracos são geralmente fracos contra os fortes”.

***

Camões: “Fraqueza é dar ajuda ao mais potente”.

***

Rui Barbosa: “As injúrias são razões de quem não tem razão”.

***

Graça Aranha: “A imitação é uma prática brasileira”.

***

Raquel de Queiroz: “A lembrança só dói quando fresca. Depois de curtida, é consolo”.

***

Tomás Ribeiro: “As memórias são os únicos espelhos a que velhos se miram satisfeitos”.

***

Ditado popular: “Faça trabalhar a cabeça e dê férias à língua”.

***

Menotti Del Picchia: “A maledicência é necessária à vida, como as oposições são necessárias aos bons governos”.

***

Miguel Couto: “Deus criou o homem para o sofrimento e a medicina para aliviá-lo”.

***

Monteiro Lobato: “A treva gera o medo; o medo gera os deuses e os diabos, que por sua vez geram as religiões”.

***

Ditado popular: “Os doidos inventam a moda e o povo a segue”.

***

Aristides Ávila: “Escândalo é uma coisa anormal que acontece quase sempre na vida alheia”.

***

Medeiros de Albuquerque: “A multidão é um animal misterioso e terrível, amedronta e fascina”.

***

Vitor Caruso: “Máximo divisor comum é a miséria”.

***

Paula Nei: “Tudo tenho conseguido com o verbo, eu e Deus: Ele fez o mundo em seis dias. Eu, em trinta e três anos, ainda não consegui fazer uma casa.

***

Celso de Magalhães: “As boas qualidades, quando exageradas, tornam-se más”.

***

Uma constatação, depois de urinar: “Não adianta chacoalhar. O último pingo é sempre da cueca”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum