Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

#Fórumcast, o podcast da Fórum
02 de julho de 2016, 10h18

Sem mandado, PM despeja e prende mais de 20 jovens na Fábrica de Cultura na Brasilândia

Leio o depoimento de um guri de 12 anos narrando o movimento no Capão Redondo:

“Tudo começou com a biblioteca porque eles começaram a fechar a biblioteca mais cedo e não dava para sair da escola e ir para a biblioteca. Então começamos a ocupar a biblioteca.
Depois cortaram o horário das oficinas e nós começamos a dar oficinas e abrimos a Fábrica de Cultura para todo mundo! Vai pai, vai mãe, criança e nós estamos lá! Tinha uma vizinha que mora do lado e nunca pode entrar! Estamos lutando para ter cultura!

É isso que a polícia tucana está reprimindo, a luta pelo direito da periferia ter cultura. Por que eles ocuparam a Fábrica de Cultura? Porque ela é do povo, porque o PSDB não dá continuidade nem às suas próprias políticas, sucateando tudo com corte de verbas e demissão de funcionários. Porque para a periferia em governos autoritários só se gasta verba com bala para matar crianças e jovens negros.

13592742_827212327412514_6198196592370387569_n

Sem mandado, PM despeja e prende mais de 20 jovens na Fábrica de Cultura na Brasilândia
Aprendizes haviam ocupado a Fábrica de Cultura na zona norte na manhã de sexta-feira em proteto contra os cortes e demisssões no programa pela Organização Social POIESIS

capaão2

Sem qualquer mandado judicial, a Polícia Militar invadiu na manhã deste sábado (02) a ocupação da Fábrica de Cultura da Brasilândia e prendeu arbitrariamente os mais de 20 aprendizes que dormiam no local. A unidade foi ocupada na manhã de ontem em protesto contra os cortes no programa e as demissões em massa de educadores pela Organização Social POIESIS. Os educadores estão em greve desde o dia 23 de junho.

A PM prendeu os jovens em um ônibus, mas não informou para qual DP serão levados. Representantes da POIESIS estão no local junto à PM, que realiza o despejo ilegalmente.

Essa era a segunda Fábrica de Cultura ocupada. Desde o dia 25 de maio, a unidade do Capão Redondo está tomada pelos pelos aprendizes. Diante da truculência da POIESIS, que não aceita as reivindicações, os jovens tem gerido as atividades de forma autônoma, com apoio da comunidade e de artistas locais, como o rapper Mano Brown.

As Fábricas de Cultura são um programa do governo estadual e acesso à arte, que conta com 10 unidades nas periferias de São Paulo, geridas pelas OSs POIESIS e Catavento.

A luta continua contra os cortes e as demissões, em defesa da Fábricas de Cultura!!

Serviço:
Fábrica de Cultura da Brasilândia, em processo de despejo agora
Endereço: Av. Inajar de Souza, 7001 – Jardim Peri)

Acompanhe ao vivo pelas páginas:
Aprendizes da Brasilândia
Aprendizes do Capão
Educadores em greve
O Mal Educado


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum