segunda-feira, 21 set 2020
Publicidade

Alagoas, o Bullying e o Ministério Público Federal

Print do vídeo onde adolescente de Mata Grande agride outro adolescente dentro da escola

Vídeo postado em 31/03/2011

Vídeo postado em 05/04/2011

ARAPIRACA (AL)
MPF pede investigação contra estudante que teria praticado bullying
Da Redação, Última Instância
18/04/2011
O MPF (Ministério Público Federal) em Arapiraca, no Estado de Alagoas, requisitou à Polícia Federal a abertura de um inquérito policial para apurar suposto bullying contra um estudante da Escola Estadual Gentil de Albuquerque Malta, no município alagoano de Mata Grande. De acordo com o procurador da República Samir Nachef, a informação chegou ao MPF por meio do sistema de Denúncias Online.

Segundo informações do Ministério Público Federal, consta na denúncia que um jovem, aparentemente menor de idade, teria sido humilhado por um outro jovem que filmou tudo, enquanto praticava o ato de violência, e postou as imagens na Internet.

Ainda de acordo com a denúncia, a agressão teria ocorrido na dentro da escola. As imagens, segundo o procurador da República, sugerem a ocorrência de bullying e podem configurar crime de injúria real e discriminatória.

“Devido à veiculação das imagens da violência na Internet, o Ministério Público Federal é competente para atuar no caso. Por isso, com respaldo fundamento na Constituição Federal e na Convenção Internacional sobre o Direito da Criança, promulgada em 21 de novembro de 1990 (Decreto 99.710/90), requisitamos a abertura do inquérito”, esclareceu o procurador da República, que vai aguardar a conclusão do inquérito para tomar as demais providências cabíveis.

Juizado da Infância no Macapá firma parceria para combater o bullying nas escolas
Justiça condena escola do Rio a indenizar família de aluna vítima de bullying
Justiça condena estudante a pagar R$ 8.000 por bullying
CNJ lança cartilha de prevenção e combate ao bullying durante seminário

—————
Publicidade


10milhoes_468x60.gif

Maria Frô
Maria Frô
Historiadora, pedagoga, educadora, formadora, blogueira, autora de coleções didáticas e séries para a televisão.