Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

Fórumcast, o podcast da Fórum
28 de dezembro de 2009, 16h42

Feliz ano novo de verdade ou porque eu não votarei em Serra ou em nenhum candidato do demotucanato

A partir de hoje este blog entra em recesso até segunda ordem.

Mas antes de ir, gostaria de desejar a todos os leitores um ano novo especialíssimo e isso significa antes de mais nada um ano novo sem Serra na presidência.

Para mim, para que 2010 seja de fato especial, o atraso não pode vencer as conquistas que tivemos ao longo dos últimos dois mandatos do presidente Lula. Embora eu desejasse muito mais e sei que dá pra fazer mais eu tenho certeza que o demotucanato não poderá fazer este mais e nem deseja fazer esse mais.

Não poderá porque o demotucanato governa o meu Estado há 16 anos consecutivos e a cidade há 5 anos e posso garantir que nunca vi esta cidade tão caótica, suja e desumana como ela está.

Somos reféns de políticas que privilegiam de maneira burra o capital, pois nem o capital consegue circular no trânsito de São Paulo.

Estamos sobre a lama, o lixo, expostos a doenças como a leptospirose e quando digo estamos, penso em toda a cidade, não apenas no caos irresponsável que foi a decisão de fechar comportas e alagar bairros da periferia pobre e abandonada como no caso do Jardim Pantanal e Jardim Romano que ficaram inundados durante semanas e ainda por cima com esgoto sendo despejado nas águas, já pútridas, provocando a morte de dois adolescentes, uma criança e certamente de mais pessoas, já que doenças como a leptospirose tem período de incubação.

A educação do estado desceu a níveis inimagináveis considerando que São Paulo é o estado mais rico do país, material ruim, com erros ou de conteúdo duvidoso para crianças, salário dos professores depauperado, política de bônus sem efeito e quase 50% dos professores em situação precária sem concurso público.

Da saúde nem se fala a quantidade de greves que houve e o horror disseminado pelo próprio governo do Estado que sucateou a saúde e entrou em pânico, pois se de fato houvesse uma epidemia de gripe suína, a saúde pública no estado jamais seria capaz de dar conta, daí atrasar aulas, fazer professores doentes e exauridos trabalharem no sábado e outras barbáries.

As obras são um caso a parte: buraco do metrô e fortes indícios de superfaturamento; rodoanel interminável e cujas pilastras de sustentação despencaram quase provocando mais mortes como as 7 pessoas mortas com o desabamento das obras do metrô.

Pedágios sem fim, e um dos mais caros do mundo, o dobro do praticado em muitos estados dos EUA que só em 2009 rendeu ao estado 4,55 bilhões e faturamento quase 20% maior que 2008. Há tantos pedágios em São Paulo e são tão caros que o governador ganhou as alcunhas de zé Serrágio, Zé Pedágio.

A truculência da polícia de Serra nas favelas, contra professores, estudantes é sem precendentes, nem a ditadura militar ousou invadir a Universidade como Serra fez com a tropa de choque. Moradores de Paraisópolis, Heliópolis e agora os moradores do Jd Pantanal que protestam contra as enchentes recebem de volta as cassetadas da tropa de choque deste governo truculento.

Enfim, é um governo que se sustenta por massiva propaganda: De olho na campanha presidencial o governador Zé Chirico vai de bicão na Cop15 tirar fotos com outro governador de popularidade em baixa e ator hollywodiano e defender que nós paguemos as contas do consumo e modo de vida dos países ricos cujas obras, como as do metrô só existem nas peças publicitárias e nos efeitos da computação gráfica.

O governo demotucanato é igualmente perverso e incompetente e corrupto, até mesmo na merenda das crianças foram capazes de roubar, ainda no governo de José Serra que tinha em mãos estudos da FIPE que condenava a tercirização da merenda e mesmo assim a tercerizou e praticou oligopólio que pôs em risco a saúde das crianças com merenda de péssima qualidade, desbalanceada e insuficiente.

No final do ano descobrimos que quase 400 milhões de orçamento aprovados para o combate a enchente não foram utilizados e temos uma Câmara de maioria do demotucanato que se não existisse não faria a menor diferença, ela acaba de votar uma verba maior para a publicidade do Aquassab e uma menor para combate às enchentes.

Por tudo isso e por tudo que resolvi poupá-los de relatar, aviso que em 2010 eu vou me dedicar de corpo e alma para que Zé Chirico Alagão, Pedágio, Serrágio e afins se se candidatar, não seja eleito. O Brasil não merece viver o inferno que os trabalhadores paulistas e paulistanos vivem.

E começo hoje minha campanha de esclarecimento dos porquês eu jamais votarei nessas forças conservadoras, retrógradas e desumanas. Deixo algumas cenas que fotografei esses dias na cidade: o percurso que faço de casa ao trabalho e como esta cidade, mesmo em áreas nobres fica em dia de chuva.

Da Vila Madalena em direção à Heitor Penteado. Este não é um bairro de periferia

Não, isso não é um rio, é avenida com bueiro entupido em bairro de classe média alta. Nada funciona nesta cidade, nada.

As cenas q vejo há meses do caminho de casa para o trabalho, Sampa está mergulhada no lixo, no desgoverno

Calçada da USP na avenida Politécnica, mato, insegurança, ratos, abandono.

Não há mais horário de pico, tempo bom ou ruim, manhã, tarde e noite, quando não alaga é assim o cotidiano de milhões de paulistanos nas marginais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum