Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

Entrevista exclusiva com Lula
23 de outubro de 2010, 08h38

Na terceira semana os partidários de Rojas pioram muito

Todo cuidado é pouco, os tucanos ao entrar no universo TFP com a forcinha da Juventude Nazista vêm piorando em suas táticas.

Abaixo, uma notícia de Goiás de agressão tucana a jovem do PMDB e, ao final, matéria das eleições de 2006, quando uma tucana arrancou a dentadas o dedo de uma petista.

Já estamos no fim da terceira semana antes da votação do segundo turno. É quando os ânimos mais se exaltam e, acompanhando as ondas da campanha do submundo fundamentalista –  especialmente depois da forcinha do vídeo para lá de editado da #Globomente – o chefe Rojas quererá posar de vítima da bolinha de papel assassina; polarizará ‘eu sou o bem’ (sabemos que ele é dem), ‘ela é o mal’ neste maniqueísmo rastaquera que lhe é muito peculiar.

Na sexta onda da campanha mais suja da história do país, vendo seu projeto pessoal indo para o ralo, Rojas vai buscar melar tudo.

Enquanto isso nas eleições presidenciais de 2006….

“Uma louca tucana me arrancou o dedo a dentadas”

Por: Bob Fernandes no Terra Magazine

Terça, 17 de outubro de 2006, 21h35

Daniela Tristão, 38 anos, publicitária, vota em Lula. No início da madrugada de segunda-feira (16), depois de ter participado de uma caminhada de Ipanema ao Leblon em defesa da candidatura petista, ela passou pelo bar Bracarense e chegou ao Jobi, no baixo Leblon. Ela, o marido Juarez Brito e um casal de amigos, Mirna e Zé. Ela e Mirna usavam camiseta com o escrito “Lula sim”. Logo à chegada, foram recebidos com apupos, vaias e ofensas. Depois de discussão, Daniela pagou a conta e decidiu ir embora. Já na calçada, foi atacada a dentadas pela tucana Ana Cristina.Durante encontro do candidato Lula com artistas e intelectuais, ontem à noite, na casa de espetáculos Canecão, no Rio de Janeiro, Daniela realizou o que ela considera “um sonho”: conheceu o presidente que a levou a perder o dedo. A petista, de 38 anos, conta a Terra Magazine como se deu a briga.

Terra Magazine – O que aconteceu com o seu dedo?
Daniela Tristão – Uma tucana louca me arrancou o dedo a dentadas.

Como começa essa história?
Saí da caminhada de apoio ao presidente Lula que começou no Posto 9, em Ipanema, e terminou no Baixo Leblon, então passei no Bracarense e fomos, eu, meu marido, e os amigos Mirna e Zé, para o Jobi…

…chegando lá…
…fomos recebidos com vaias.

Por quê?
Porque na minha camiseta e na da Mirna tinha escrito “Lula sim”. O clima estava pesado, e começaram a gritar: “baranga do PT”, “vai embora, ladra”, “cambada de corruptos”, e nós nos assustamos, porque não conhecíamos aquelas pessoas. Essa mulher começou a gritar comigo, eu disse que ela era mal-educada, grosseira.

E como é que a maionese desandou?
O clima foi ficando ainda mais pesado, um senhor de uns 60 anos ameaçou me jogar um prato e nós resolvemos deixar o Jobi. Quando eu estava abrindo a porta do meu carro, a tucana louca me atacou.

Atacou como?
Começou a me morder e arrancou a última parte do meu dedo anular esquerdo. Foi uma cena terrível.

Descreva, por favor…
De repente, era um chafariz de sangue, o meu dedo no chão e a amiga da tucana louca atacando o meu marido, tentando arrancar o chapéu dele…

…e o capítulo seguinte…
…fui para um hospital da Farme de Amoedo, eles não tinham cirurgião, mas botaram o meu dedo no gelo e então fui para o hospital São Lucas, em Copacabana. Só que, como tinha sido arrancado até o osso, não teve como ser feito o implante. Agora, vou fazer um enxerto.

A senhora foi à polícia, inquérito foi aberto, tudo isso?
Tudo isso. Loucos como essa mulher não podem estar soltos nas ruas.

E agora?
Agora, hoje à noite (terça-feira), vou ser recompensada.

Como?
Estou no Canecão, onde haverá um encontro de artistas e intelectuais com o presidente Lula e eu serei apresentada a ele.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum