Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

17 de outubro de 2012, 00h09

Serra não deixa Kennedy falar, ordena que o jornalista o ouça e diz que PT aumentou a desigualdade em São Paulo!!!!

Acostumado a ser tratado como prata da casa, José Serra foi tranquilo para sua entrevista hoje no final da manhã na rádio CBN. Ocorre que o jornalista Kennedy Alencar resolveu fazer jornalismo e questionou Serra sobre as contradições de seu discurso quando o assunto é o combate à homofobia.

Serra para variar só um pouco tentou intimidar o jornalista e, sem conseguir, foi profundamente sem educação falando em cima do que Kennedy dizia, tornando o momento bem bizarro e um exemplo da falta de educação e truculência de José Serra quando os jornalistas não rezam por sua cartilha.

Além das afirmações estapafúrdias de que o PT aumentou a desigualdade em São Paulo, governada há oito anos pela coligação demotucana,  Serra se sentindo em  casa, não esperava um Kennedy Alencar no caminho: “Modere-se, Kennedy: você está na CBN”.

Por volta dos 4 minutos do vídeo abaixo você mesmo poderá constatar que o jornalista Kennedy Alencar  é interrompido várias vezes por Serra que exige que Kennedy seja educado e o ouça, quando o mal educado e que não sabe ouvir é exatamente Serra! É impressionante o nível de desequilíbrio deste candidato.

Tem também ato falho de Serra falando que luta pela homofobia;  como Bolsonaro Serra usa a expressão ‘kit gay’ pra denominar o material escola sem homofobia.

Serra mente várias vezes dizendo que o material do MEC é para alunos de 11 anos (o material é pra Ensino Médio) e, finalmente, diz que o material estimula o bissexualismo! 

Segundo Serra, o combate à homofobia é bandeira petista (ao menos uma verdade Serra disse, mesmo sem querer).

Serra também ataca o governo de Marta dizendo que encontrou os cofres destruídos, que Marta não fez creche…

Serra falta com a verdade sobre como se distribui orçamento do município, nos últimos anos os jornais mostraram como a periferia recebeu menos recursos que as áreas ricas.

Enfim, PT tem material farto pra apresentar à Justiça Eleitoral, do candidato que detrata sem parar seu concorrente e manda confiscar, censurando jornal sindical.

O candidato do PSDB à prefeitura de São Paulo, José Serra, concedeu entrevista hoje ao CBN São Paulo. Durante uma hora, Serra respondeu às perguntas dos ouvintes e da equipe do programa, comandado por Fabíola Cidral. O candidato disse que a cidade precisa avançar na coleta de lixo e atacou o PT: segundo ele, o partido de seu adversário, Fernando Haddad, aumentou a desigualdade social na capital paulista.

______________
Publicidade
//
//

Veja também:  Globo faz coro com bolsonaristas e Lava Jato nas críticas à lei sobre abuso de autoridade

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum