Milos Morpha

por Cesar Castanha

Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
01 de abril de 2011, 12h43

Curtindo a vida adoidado

Não houve diretor em Hollywood tão capaz de retratar a realidade adolescente quanto John Hughes. O mestre foi responsável por filmes como “Curtindo a vida adoidado”, “Clube dos cinco” e “Gatinhas e Gatões”. As comédias de Hughes trazem jovens reprimidos, ignorados e rebeldes (como consequências da cegueira familiar). As duas facetas da mesma juventude são exploradas em “Curtindo a vida…”: Ferris, o rebelde, se aproveita do mimo recebido dos pais para faltar a escola alegando estar doente, eles não conhecem o filho o bastante para julgar seu comportamento, ao contrário da sua irmã e do diretor do colégio (ambos desconfiam desde o princípio). Cameron é a juventude oposta, cresceu sobre o manto do medo e repressão paterna, enquanto Ferris olhava para os pais com um sentimento de superioridade, Cameron sempre se punha como inferior, não só ao pai como também à escola e aos amigos. É sempre convencido a concordar com Ferris, seus únicos questionamentos acontencem quando a vontade do melhor amigo atinge as proibições do pai, nessas situações Cameron entra em colapso, sem saber de que lado ficar. Há um momento no filme no qual ele se liberta ao mesmo tempo de Ferris e do pai, obedecendo a um sentimento de revolta completamente pessoal.
O diretor de Ferris e sua irmã são personagens semelhantes, ambos têm raiva do garoto por conseguir fazer todos de bobo. O diretor se sente desafiado, pois o aluno estar sempre um passo a frente é um sinal de questionamento do seu “absoluto” poder na escola. A irmã sente inveja, nunca conseguiu se posicionar frente aos pais da mesma forma de Ferris. Como consequência ambos tendem a caçá-lo e retirar suas conquistas.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags