Milos Morpha

por Cesar Castanha

Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
02 de Maio de 2010, 20h05

Resumão da Semana

Homem de Ferro 2:
A ideia da Marvel de juntar os heróis do seu universo está dando certo, e o segundo filme de Tony Stark (Robert Downey Jr., com seu charme costumeiro) é a prova disso. Nessa sequencia,  o herói está respondendo ao governo americano pelo porte de sua armadura, ao mesmo tempo que é atacado por Ivan Vanko (o carismático, Mickey Rourke) que parece ter bastante conhecimento sobre a tecnologia do herói. No decorrer da trama, Stark ainda tem que lidar com a SHIELD representada por Nick Furry (Samuel L. Jackson) e Natasha Romanoff ( Scarlett Johansson, sempre sexy, um dos trunfos do filme).
A película supera seu antecessor, talvez por não ter a obrigação de nos falar da origem do herói. Referencias à outros heróis como o escudo do Capitão América e a própia SHIELD (que nos quadrinhos foi o que originou os vingadores), além de divertir os fãs, nos dá a certeza da aproximação de um longa metragem dos vingadores.

Bolt – O Supercão:
A Disney tem fases distintas em sua filmografia. É apropiado dizer que Bolt é o início de uma nova fase Disney, porém, muito cedo para saber qual seria essa fase. A animação conta a história de um cachorro que era ator em uma série de TV, no programa ele possui super poderes, o problema é que o cãozinho acha que o mundo da TV é o mundo real, e que ele tem de fato super poderes. A trama começa quando a sua dona é sequestrada no fim de um episódio do programa, o cão foge com a ideia de resgatá-la e acaba indo para acidentalmente no caminhão para Nova York. Lá ele conhece uma gata de rua que se assemelha ao gato do vilão do programa, e a obriga a lhe levar de volta para Hollywood, na viagem eles conhecem Rino, um Hamister fã da série de Bolt. É feliz poder dizer que, depois de tantos fracassos, a disney voltou a fazer filmes criativos, inteligentes e bonitos. Que Bolt seja apenas o início de uma nova e longa era.

Cleveland Show 1ª temp:
O personagem Cleveland Brown da série Uma Família da Pesada, lançou em 2009 seu spin-off: The Cleveland Show. Nele, o personagem volta para sua terra natal e se casa com sua amiga de colegial que já tem 2 filhos. O desenho é mais uma vez uma sátira da instituição familiar americana, dessa vez inclusive da religiosidade exarcebada e do preconceito racial mascarado. Também com humor negro, a série diverte e garante boas risadas.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags