o colunista

por Cleber Lourenço

Fórum Educação
26 de março de 2020, 09h02

Neonazista tenta explodir hospital nos EUA para acabar com quarentena causada pelo coronavírus

Timothy Wilson foi morto após reagir à tentativa de prisão por agentes do FBI, que descobriram que ele queria explodir um hospital por estar revoltado com a política dos EUA em relação à Covid-19

Timothy Wilson foi morto após reagir a tentativa de prisão (Reprodução)

Nos Estados Unidos, o FBI matou a tiros na última terça-feira um homem que planejava bombardear um hospital depois que ficou frustrado com a ação do governo para impedir a propagação do coronavírus.

O FBI diz que o homem que morreu no tiroteio era Timothy Wilson, 36 anos. O incidente ocorreu quando agentes tentaram prender Wilson, que estava armado.

Segundo o FBI, Wilson foi alvo de uma investigação de terrorismo doméstico e a investigação revelou que ele era um extremista de direita potencialmente violento, motivado por ódios raciais, religiosos e antigovernamentais.

Após a pandemia de coronavírus e os subsequentes esforços de distanciamento social implementados pelos governos locais, Wilson “decidiu acelerar seu plano de usar um dispositivo explosivo improvisado veiculado em veículo na tentativa de causar danos graves e baixas em massa”, de acordo com um comunicado de imprensa da FBI.

Wilson decidiu bombardear um hospital da região e tomou medidas para obter os materiais necessários para construir o dispositivo explosivo. O FBI não identificou o hospital que Wilson pretendia atingir.

O tiroteio ocorreu depois que o FBI tentou prender Wilson quando ele chegou para pegar o que pensava ser um caminhão-bomba.

Wilson foi levado ao hospital onde foi declarado morto na noite de terça-feira. Nenhum outro civil ou policial foi ferido.

A Divisão de Inspeção do FBI está lidando com a investigação.

O FBI inclusive publicou um relatório sobre o ocorrido e você pode conferir abaixo:

Epidemia de terrorismo de extrema-direita

De acordo com dados compilados pelo Nation Institute e pelo Center for Investigative Reporting e publicados em 22 de junho de 2017, a extrema-direita é responsável pelo dobro de ataques terroristas em solo americano entre os anos de 2008 e 2016

Dos 201 incidentes terroristas reportados, sendo que 115 deles foram cometidos por seguidores de ideologias de direita, tanto os chamados defensores da supremacia branca e do nazismo.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags