“Baseados por picadas”: grupo vai distribuir maconha a quem se vacinar contra a Covid nos EUA

"Estamos procurando maneiras de celebrar com segurança o fim da pandemia e desconhecemos algo que una mais as pessoas do que a cannabis", afirma a ONG DC Marijuana Justice

Moradores de Washington, nos Estados Unidos, poderão celebrar a vacinação contra a Covid-19 de um jeito inusitado: fumando maconha.

Nesta semana, a ONG DC Marijuana Justice, que luta pela legalização da cannabis, anunciou que distribuirá porções da erva a quem se vacinar, quando a imunização contra a Covid começar no estado.

A ideia, de acordo com os organizadores da campanha, é incentivar ao máximo a vacinação, sob o slogan “Joints for Jabs” (baseados por picadas, em inglês).

“Estamos procurando maneiras de celebrar com segurança o fim da pandemia e desconhecemos algo que una mais as pessoas do que a cannabis”, disse ao site da revista Forbes um dos fundadores da ONG.

A organização já promoveu outras ações parecidas, como quando distribuiu cigarros já enrolados de maconha durante a posse de Donald Trump, em 2017, com o intuito de pressionar o presidente a colocar em sua agenda a pauta da legalização da cannabis.

Desta vez, no entanto, o grupo optou por não distribuir cigarros, mas sim uma porção de maconha, pois os “baseados” teriam que ser colados com saliva – o que não é adequado para um contexto de pandemia de coronavírus. A ideia é que membros da ONG fiquem na parte de fora dos centros de vacinação dando a erva de brinde para quem for imunizado.

Atualmente, dos 50 estados americanos, 39 possuem legislações que permitem a comercialização e o uso recreativo ou medicinal da cannabis. Saiba quais são eles aqui.

Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista e repórter especial da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR