Outra Vibe

Fórum Educação
21 de Maio de 2020, 19h05

De modelo de cuecas a galã de Malhação: a bagagem profissional de Mario Frias, favorito para a Cultura de Bolsonaro

Crush da nação, sua carreira começou em um seriado com a jovem Angélica. Mas seu auge mesmo foi a novela adolescente Malhação

Mario Frias (Divulgação)

Depois de se oferecer para tomar oposto da triz e ex-secretária Regina Duarte, o ator Mario Frias, que ficou conhecido nos anos 1990 no seriado adolescente ‘Malhação’, da Rede Globo, será o novo Secretário Especial de Cultura do governo Bolsonaro.

Regina deixou o cargo na quarta, dia 20, menos de três meses depois de ser nomeada. Ela saiu sob pressão da chamada “ala ideológica” do governo. O presidente se dizia insatisfeito pois a ex-namoradinha do Brasil e ex-noiva do governo não cumpriu a expectativa de livrar a cultura “dos esquerdistas”. Oficialmente, Regina diz que pediu exoneração por sentir falta da família, que mora em São Paulo.

Frias não tem experiência nenhuma na política, mas foi um dos únicos ex-globais a defender Regina Duarte na época de sua nomeação, estando até presente na posse da atriz.

Em 6 de maio, em uma entrevista à CNN Brasil, o ex-malhação voltou a defender a atriz, mas já de olho na boquinha “Olha só, para ser bem direto para o Jair: para o que ele precisar, estou aqui”, disse ele, fazendo a íntima.

Na mesma entrevista ele disse que, quem quer que assumisse, teria que seguir a linha adotada pelo governo. “Se eu entrar numa novela e achar que tenho que fazer personagem engraçado, mas ele é dramático, alguém vai me corrigir. (Bolsonaro) quer ver a pasta numa direção e até agora não conseguiu.”

Foi o suficiente para cair nas graças do presidente. Os dois se encontraram em um almoço com empresários do ramo esportivo, um dia antes do anúncio da saída de Regina.

Nas redes, o ator explicita as afinidades com Bolsonaro e suas ideias. Como tantos, foi substituindo as fotos com a família por mensagens fervorosas de defesa ao governo.

Abundam, em seus perfis a tag #fechadocombolsonaro e mensagens do tipo “O ego está falando mais alto do que o próprio cargo”, sobre Moro, odes à cloroquina e críticas à imprensa.

O homem, o artista

Frias foi casado com a ex-musa teen Nívea Stelmann, com quem tem um rebento. Hoje ele é casado com Juliana Camatti,com quem também constituiu família.

Jovem crush do Brasil, sua carreira começou em um seriado com a jovem Angélica. Mas seu auge mesmo foi a novela adolescente Malhação, entre 1999 e 2001, onde interpretou. Chegou a receber convites para posar nu, mas afirmou não ter pensado a aceitar “nem por um segundo”.

O namoradinho do Brasil diz que o dinheiro dessa época foi a base financeira de sua vida por muitos anos. Sem contato fixo com a Globo, onde fez uma novela interpretando um deputado corrupto, também participou de novelas na TV Bandeirantes e na Record.

Em 2010, foi para a RedeTV! e depois teve um programa no SBT. Seu último trabalho na televisão foi apresentando o programa A Melhor Viagem, na RedeTV!.

Sobre cuidar do corpo, Frias declarou ao jornal extra: “A Juliana fala muito isso no meu ouvido, mas eu não tenho paciência. Gosto muito da parte de estudar a minha profissão. Estou a três aninhos do 5.0, mas me sinto bem de cabeça. Minha mulher sempre brinca comigo, dizendo que eu estou com cara de garoto. Não sei se é porque ela gosta de mim ou quer me agradar (risos). Mas eu me sinto privilegiado. A idade te dá uma consciência para você raciocinar quais são as verdadeiras vitórias da vida”.

Mal sabia ele que teria que manter o físico de atleta no corpo de garotão para segurar a cultura em época de pandemia.


 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum