PREJUÍZO

Luísa Sonza é multada pela prefeitura de SP por show em 2021; entenda

A apresentação da cantora na Avenida Paulista ocorreu em 21 de dezembro de 2021, para divulgar o disco “Doce 22”; artista foi incluída na dívida ativa

Luísa Sonza.Créditos: Divulgação
Escrito en BLOGS el

A fase não anda boa para Luísa Sonza. Depois da tumultuada separação do ex-namorado, Chico Moedas, ela se vê às voltas com a possibilidade de levar um prejuízo financeiro.

A prefeitura de São Paulo ingressou na Justiça contra a cantora por ela ter feito um show na Avenida Paulista, em dezembro de 2021.

A Secretaria Municipal das Subprefeituras (SMSUB), por intermédio da Subprefeitura Sé, alegou que a apresentação contou com aparelhagem de som, dançarinas e outros equipamentos na via, o que não foi autorizado.

“Por esta razão, a cantora foi multada em R$ 17.729,89, por não se enquadrar no Decreto 57.086/2016, destacou a prefeitura, segundo a Splash.

O show foi realizado no dia 21 de dezembro de 2021, com o objetivo de divulgar o disco "Doce 22". Luísa se apresentou de graça e surpreendeu os pedestres que passavam pela Paulista.

A prefeitura da capital, inclusive, incluiu a empresa Luísa Sonza e Cia Ltda na dívida ativa do município. Uma execução fiscal foi aberta na Justiça, em 2023, cobrando o pagamento que já supera R$ 20 mil, por causa dos juros.

Cantora debocha de acusação de que rompimento é marketing

Luísa ironizou, em suas redes, a teoria que circula sobre as acusações de possível estratégia de marketing relacionadas ao anúncio de separação de Chico Veiga, conhecido como Chico Moedas, ao vivo, no programa "Mais Você" de Ana Maria Braga. 

Alguns internautas espalharam a hipótese de que a cantora teria usado a suposta traição de Chico como forma de marketing para o novo álbum, chamado de "Escândalo íntimo".

“Será que Luísa Sonza seria tão maquiavélica de tudo ser premeditado?”, questionou uma internauta.

Em um dos comentários, Luísa debochou: "Claro, gente. Eu fui corna de propósito. Faz todo o sentido, parabéns”, disse.