Pertences de Marília Mendonça em avião foram alvos de tentativa de saque

PM que fazia a guarda da aeronave, que caiu matando a cantora e outras quatro pessoas, deu tiros de borracha para inibir tentativa de furto

Horas após a morte da cantora Marília Mendonça, na tarde da sexta-feira (5), um grupo de pessoas tentou saquear os pertences da artista que estavam no avião que caiu em uma cachoeira na serra de Caratinga, interior de Minas Gerais.

Notícias relacionadas

Segundo boletim de ocorrência, durante a madrugada de sábado (6), quatro pessoas foram até o local com lanternas com a intenção de furtar os objetivos, que ainda não haviam sido recolhidos pela perícia.

O policial militar Marcio Pereira da Silva, que fazia a guarda da aeronave, deu tiros de borracha e inibiu as pessoas, evitando o furto. Outros dois PMs estavam no local.

Entre os objetos que ainda se encontravam na aeronave estavam o iPhone e um iPad, além de roupas, maquiagem e joias da cantora. Além disso, haviam objetos do piloto e do co-piloto e dos assessores da artista.

Os objetos foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil de Caratinga, onde foram mais tarde repassados para os advogados.

Letras inéditas de Marília Mendonça são encontradas

Entre os destroços da aeronave, foi encontrado ainda um caderno com várias composições inéditas da cantora.

Segundo o advogado de Marília, Luiz Maurício, que confirmou a localização do material na área da queda, as composições foram encaminhadas à família da artista, mas ainda seria prematuro afirmar que os versos estão em condições de serem gravados por outros intérpretes.

avião bimotor que caiu e matou a cantora Marília Mendonça e outras quatro pessoas se chocou com um cabo de uma torre de distribuição da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) antes de cair a cerca de 300 km de Belo Horizonte. A própria empresa divulgou uma nota para confirmar a informação.

Publicidade
Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR