sábado, 31 out 2020
Publicidade

Urso da era do gelo é encontrado preservado na Rússia; veja imagens

Degelo na região do Ártico revelou restos mortais do animal, que viveu entre 22 mil e 39,5 mil anos atrás

Pastores de renas que vivem em uma região do círculo polar Ártico localizada em território da Rússia desenterraram os restos de um urso da idade do gelo em estado de total preservação. A descoberta foi anunciada pela Universidade Federal do Nordeste da Rússia (NEFU) nesta semana.

O urso acabou sendo encontrado depois de exposto pelo derretimento de camdas de gelo nas ilhas Lyakhovsky, parte do arquipélago das Novas Ilhas Siberianas, no nordeste da Rússia.

Com os dentes e o nariz intactos, especialistas acreditam que o animal viveu entre 22 mil e 39,5 mil anos atrás e seria um antigo parente do urso-pardo, uma espécie que vive hoje na Eurásia e na América do Norte.

Foto: NEFU
Foto: NEFU

O restos mortais serão estudados na NEFU, localizada na cidade de Yakutsk, no leste da Rússia. Conhecidos por pesquisas com mamutes-lanosos e outras espécies do período, os cientistas da universidade acreditam que a descoberta não tem precedentes.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.