Quilombo

por Dennis de Oliveira

28 de setembro de 2017, 11h35

As guitarras do Rock in Rio no cenário da guerra na Rocinha

Enquanto o público na “Cidade do Rock” vivenciava um espetáculo iluminado, o morro da Rocinha estava escuro, somente com luzes das casas acesas em um cenário típico de guerra.


+ posts

05 de julho de 2017, 11h25

A USP vai ficar preta

Certa vez fui a aula com uma camiseta do Jackson 5 e muitos riram da minha cara. Percebi que dos quase 100 alunos da turma de Comunicação Social (era tudo junto no primeiro ano), apenas três ou quatro vieram de escola pública como eu. Funkeiros-groove acho que só eu.


21 de junho de 2017, 15h21

Esquerda é que precisa se reiventar e se aproximar da realidade da população (resposta à Azenha)

O jornalista Luiz Carlos Azenha publicou recentemente um comentário intitulado “os movimentos identitários e o dividir para governar”. Por ser um profissional que respeito imensamente e que tem contribuído na luta contra as narrativas hegemônicas da mídia golpista, é que resolvi escrever este artigo contestando suas afirmações.


27 de maio de 2017, 14h03

Práticas fascistas crescem e atingem movimentos sociais e grupos periféricos

A criminalização da política e a sustentação do pleno poder a determinadas instituições sedimenta o caminho para a edificação de um “fascismo branco” que se realiza a despeito do funcionamento “regular” dos aparelhos de poder democráticos. A total soberania de mídia e judiciário é danosa para a democracia. Mais que isto: para os movimentos sociais e a periferia.


18 de maio de 2017, 14h42

A segregação racial, o encarceramento e o livre mercado

No Brasil, o crescimento do encarceramento nos últimos anos levou o país a ter a quarta maior população carcerária do mundo, atrás apenas de EUA, Rússia e China.


08 de maio de 2017, 12h48

Brasil passa vergonha nas Nações Unidas na reunião de direitos humanos

No dia 5 de maio, em Genebra, o Conselho de Direitos Humanos da ONU cobrou do Brasil a consolidação e evolução nas suas políticas de direitos humanos. O país passou vergonha. A reunião da ONU foi para realizar a chamada RPU (Revisão de Políticas Universais de Direitos Humanos). E aí mais de cem intervenções de […]


19 de abril de 2017, 22h09

Há mais coisas na periferia do que supõe nossa vã filosofia

Em determinados momentos fico impressionado com a superficialidade de certas análises políticas sobre a população da periferia feita por intelectuais, analistas, “experts” e até lideranças de movimentos sociais, inclusive o movimento negro. Primeiro, partiram do pressuposto que o fato dos governos Lula e Dilma terem possibilitado uma ascensão social recorde a estas populações que “automaticamente” […]


01 de abril de 2017, 14h52

Canalhas! Canalhas! Canalhas! Assassinaram uma menina na escola no Rio de Janeiro!

Não tem outra forma a não ser expressar a minha mais profunda indignação. Canalhas, canalhas, canalhas! Covardes!!! Assassinaram uma criança dentro da escola. Não há outra forma de dizer isto: UMA MENINA DE 13 ANOS FOI ASSASSINADA NA ESCOLA EM UM TIROTEIO DA POLÍCIA DO RIO DE JANEIRO. Maria Eduarda tinha 13 anos e estudava […]


24 de março de 2017, 16h24

Axé contra o golpe

Sensacional este vídeo, vale a pena ver.  


22 de março de 2017, 11h40

Choques, carnes fracas e antirracismo – tudo a ver

  Naomy Klein, na obra The Shock Doctrine: The rise of Disaster Capitalism (“A doutrina do choque: a ascensão do capitalismo de desastre – disponível para download aqui) afirma que a implantação do modelo institucional do capitalismo neoliberal se dá pelo que ela chama “doutrinha do choque”, em que um processo que implica na suspensão da […]


16 de março de 2017, 12h38

Reforma previdenciária é a nova lei dos sexagenários

Tempos atrás, publiquei um artigo afirmando que o golpe praticado contra a presidenta Dilma Roussef era racista (clique aqui para ler). Isto porque o interesse dos golpistas era acabar com políticas públicas que beneficiavam principalmente a população negra e, em especial, as mulheres negras. Nem preciso dizer que os paneleiros e pseudomoralistas de plantão – […]


11 de fevereiro de 2017, 20h59

Recado para Hartung: paz sem voz não é paz, é medo

A prefeitura de Vitória em apoio ao governo do Espírito Santo resolveu apelar para uma “caminhada das famílias pela paz”. Chamar todos juntos pela paz. Isto depois de uma semana de caos no estado que vitimou quase 130 cidadãos, a maior parte deles da periferia. Um governo que reclama de contas apertadas e de crise […]