escrevinhador

por Rodrigo Vianna

Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
08 de abril de 2014, 15h53

Lula defende Constituinte: “esse Congresso não fará”

O ex-presidente Lula defendeu a convocação de uma Assembleia Constituinte para fazer a Reforma Política, durante entrevista a blogueiros em São Paulo.

Do Escrevinhador

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva defendeu a convocação de uma Assembleia Constituinte para fazer a Reforma Política, em entrevista a blogueiros nesta terça-feira (8/4), no Instituto Lula, em São Paulo.

Na entrevista, Lula tratou de diversos assuntos, mas colocou que a pauta central para garantir a continuidade do processo de transformação social do país é a mudança do sistema político.

“Sou totalmente favorável a uma Constituinte exclusiva para fazer uma reforma política”, disse Lula. Segundo ele, os deputados e senadores que compõem o Congresso Nacional estão acostumados com o sistema político vigente e não vão mudas as regras.

“Sem a reforma política todas as outras reformas que temos de fazer serão muito mais difíceis. E eu estou convencido que essa reforma o Congresso não fará”, acredita o líder petista.

O ex-presidente disse estar convencido de que o financiamento público de campanha é “a forma mais barata, mais honesta, de fazer eleição no Brasil, para o cidadão saber quanto custa o voto”.

“A reforma política é a mais importante reforma que tem que acontecer neste país”, defendeu.

A presidenta Dilma Rousseff apresentou a proposta de convocação de uma Constituinte para mudar o sistema político em rede nacional de televisão, no contexto das mobilizações de rua de junho.

Depois da reação da base do governo, especialmente do PMDB, e dos setores conservadores na sociedade contra a Constituinte, acusada de “chavismo”, a proposta perdeu força dentro do governo.

Desde novembro do ano passado, mais de 70 movimentos sociais e entidades de todo o país constroem o Plebiscito Popular pela convocação de uma Assembleia Constituinte Soberana e Exclusiva para mudanças do sistema político.

O plebiscito será realizado entre 1º e 7 de setembro e terá uma pergunta: Você é a favor de uma constituinte exclusiva e soberana sobre o sistema político?

Eleições

Lula abriu a entrevista coletiva para blogueiros desmentindo boatos de que será candidato este ano. “Eu não sou candidato. Minha candidata é a Dilma Rousseff”, referendou.

O líder petista disse que é contra a Lei Antiterrorismo, em discussão no Congresso no contexto de protestos de rua. “Não acho que o Brasil precisa dessa Lei, porque não tem terrorismo no Brasil. No país do carnaval, fazer uma lei contra alguém que usa máscaras é impensável”.

Lula disse que os protestos da juventude representam a “sociedade em processo de evolução, tentando conquistar cada dia mais coisa. Aprendemos a fazer política, fazendo manifestação, fazendo greve. A democracia não é um pacto de silêncio”.

Manipulação

A assessoria do ex-presidente Lula acusou as páginas na internet de Folha de S.Paulo e O Globo de manipularem uma fala do ex-presidente sobre a CPI da Petrobrás.

Ambos os sites disseram que Lula defendeu que “tem de ir pra cima” para impedir a criação da CPI.

A assessoria afirma que Folha e O Globo “alteraram a declaração do ex-presidente sobre o assunto” e liberou o áudio do trecho (ouça aqui)


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum