terça-feira, 22 set 2020
Publicidade

Gusttavo Lima fugiu e largou banda ao ouvir tiros durante show. Relembre

O cantor sertanejo, Gusttavo Lima, que defendeu recentemente nas redes o fim do Estatuto do Desarmamento e apoiou a candidatura de Jair Bolsonaro para a presidência, fugiu correndo e largou a sua banda e equipe para trás ao ouvir disparos durante um show seu em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, em novembro de 2017.

Gusttavo Lima deixa o palco ao ouvir disparos de tiros durante show em Rondonópolis #repost @notasfama • • • O cantor @gusttavolima saiu correndo do palco, onde se apresentava em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá no Mato Grosso, após ouvir disparos de tiros no meio do público. Os disparos foram realizados por um policial militar que se envolveu em uma briga. Em nota, a assessoria do músico disse que com 1 hora e 25 minutos de show o cantor Gusttavo Lima foi alertado sobre alguns disparos e, por segurança deixou o palco, pedindo para que sua equipe fizesse o mesmo. A caminho do hotel, Gusttavo foi informado que não houve vítimas fatais no incidente. ? Enviado por WhatsApp #NotasdaFama #Música #GusttavoLima #Susto #Tiros #Rondonópolis #MT

Uma publicação compartilhada por Blog Rodrigo Klyngerr (@blogrodrigoklyngerr) em

Em nota, na época, a assessoria do músico disse que “com 1 hora e 25 minutos de show o cantor Gusttavo Lima foi alertado sobre alguns disparos e, por segurança deixou o palco, pedindo para que sua equipe fizesse o mesmo”.

A caminho do hotel, Gusttavo foi informado que não houve vítimas fatais no incidente.

Segunda Tela
Segunda Telahttps://revistaforum.com.br/segundatela
Espaço para discutir a cultura em tempos de multiconexão. Cinema, música, teatro, TV, internet e mais.