Segunda Tela

Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de fevereiro de 2018, 14h40

#QueroAposentar: Campanha contra a reforma bomba mais que publicidade patrocinada do governo

Depois de seguidos tiros pela culatra em sua milionária campanha publicitária pela aprovação da reforma da previdência, governo viu iniciativa de internautas contra a proposta ganhar as redes. Confira

Por Redação

O governo Temer já gastou, até agora, entre inserções e entrevistas pagas em programas de TV e publicidade na internet, R$106,6 milhões para convencer a população de que a reforma da Previdência é bom para o país.

Todo o gasto, no entanto, vem se mostrando ser um tiro pela culatra. Além de pesquisas apontarem que a maioria da população brasileira é contra a reforma, a iniciativa da oposição e de internautas, sem gastar nem um centavo, está com muito mais força nas redes sociais.

Nesta segunda-feira (5), por exemplo, dia da abertura do ano legislativo, a intensa campanha nas redes do governo virou piada. Ao alterar a imagem dos perfis de redes sociais do Planalto e de todos os ministérios para uma foto da campanha pela aprovação da reforma da Previdência, o social media do governo utilizou uma foto de tamanho incompatível ao avatar do Twitter e a mensagem que apareceu caiu como uma luva para a oposição: “Todos pela reforma da Previdência. O Brasil não quer”.

Nesta terça-feira (6), a tag #TodosPelaReforma lançada pelo governo foi dominada por internautas contra a proposta e também virou gozação.

Ao mesmo tempo, a tag #QueroAposentar ganhou ainda mais repercussão que a tag do governo e atingiu o primeiro lugar dos Trending Topics do Twitter no Brasil.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum