Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

03 de julho de 2013, 17h58

IPEA mostra: nossos médicos estão entre os que ganham maiores salários no Brasil

O Ipea notícia hoje um Ranking que traz ocupações com os maiores salários no país, adivinhem que lugar do Ranking ocupam os médicos? Acertou os que os colocam na segunda posição mais bem remunerada.

Clique aqui para ler o estudo na Íntegra

Trata-se de uma pesquisa que aponta a medicina como a segunda ocupação de nível superior com maiores ganhos salariais entre 48 outras profissões.

A pesquisa apontou que entre as ocupações com maiores ganhos salariais ao longo do período está a medicina. A profissão é a segunda de uma lista 48.

No quesito crescimento percentual os médicos em medicina diagnóstica e terapêutica o salário está na quarta posição, quando comparado 2009 -2012.

O salário médio de 2012 era de R$ 8.443,94 – Com uma variação de crescimento de 47,3% quando comparado 2009/2012. Esse valor é referente a profissionais que foram admitidos.

O salário médio de 2012 era de R$ 7.145,26 – Com uma variação de crescimento de 16,7% quando comparado 2009/2012. Esse valor é referente a profissionais que foram desligados.

Ou seja, o elitismo desta classe está fazendo  tempestade em copo d’água travestindo o corporativismo em ‘lutas’  por “melhores salários”, carreira, 10% do PIB pra saúde, médicos estrangeiros só com Revalida…

Ganham em média mais que 8 mil reais exigem tudo e depois vão decidir se nos farão o favor de atendera  população afastada dos grandes centros urbanos.

Ocupações que mais expandiram oportunidades de emprego:

Nível Médio Técnico: a área da saúde ficou em primeiro lugar com as profissões: Técnicos e auxiliares de enfermagem, técnicos em prótese ou em imobilizações ortopédicas, técnicos em odontologia, técnicos em óptica e em optometria, técnicos em terapias complementares e estéticas.  A cada 100 oportunidades de novos empregos para técnicos de nível médio no Brasil, entre 24 e 25 foram preenchidas por profissionais da saúde.

Nível Superior: a Saúde ficou em segundo lugar no quesito ocupação de postos de trabalhos. Na área a profissão de destaque foi a de enfermeiro. De cada 100 contratações 9 foram para esse profissional da saúde. Em primeiro lugar ficou a profissão de analista de tecnologia da informação.

Veja também:

Estadão: Saúde foi área técnica que gerou mais postos de trabalho entre 2009 e 2012. Foram criados mais de 400 mil postos de trabalho paratécnicos de nível médio no Brasil, quase 100 mil só na área da saúde

Os técnicos da ciência da saúde humana (entre os quais estão técnicos e auxiliares de enfermagem, técnicos em próteses ou em imobilizações ortopédicas, técnicos em odontologia, técnicos em óptica e em optometria, e tecnólogos e técnicos em terapias complementares e estéticas) formaram o grupo que mais viu expandir suas oportunidades de emprego nesse período. A cada cem novos postos de trabalho abertos para técnicos de nível médio entre 2009 e 2012, entre 24 e 25 foram preenchidos por esta categoria.

Estadão: Medicina lidera ‘performance trabalhista’, aponta Ipea

A medicina ocupa o primeiro lugar em um ranking de “performance trabalhista” que lista 48 carreiras de nível superior. Para chegar a essa conclusão, entram na conta os critérios de melhores salários, jornada de trabalho, taxa de ocupação e cobertura de previdência. A conclusão é do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), que divulgou nesta quarta-feira, 3, edição especial do boletim “Radar”, tratando desta vez do tema “Perspectivas profissionais – nível técnico e superior”.

Terra: Medicina é o curso mais vantajoso para futuros profissionais, diz Ipea

O salário médio dos médicos é o mais alto: R$ 8,4 mil; seguido pelo dos empregados no setor militar e de segurança, R$ 7,6 mil

Médicos fazem protesto em todo o País contra a vinda de profissionais do exterior e por melhores condições de trabalho

Medicina é o curso superior que oferece mais vantagens profissionais, atualmente, segundo o estudo Radar: Perspectivas Profissionais – Níveis Técnico e Superior, divulgado nesta quarta-feira pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). De acordo com o levantamento, baseado em informações de 2009 a 2012 do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), uma avaliação que considera salário, jornada de trabalho, facilidade de se conseguir um emprego e cobertura previdenciária faz que a carreira médica tenha as condições consideradas as mais interessantes a um futuro profissional.

 

O Globo on line: Pesquisa do Ipea mostra quemedicina é a carreira com maior desempenho. Carreiras no topo do ranking têm indicadores que refletemescassez de profissionais

BRASÍLIA – A medicina é a carreira de nível superior com maior desempenho trabalhista, considerando os fatores salário, jornada de trabalho, nível de ocupação e cobertura previdenciária. Na média brasileira, os médicos ganham R$ 6.940,12 e trabalham 42,03 horas por semana. A taxa de ocupação nessa profissão é de 91,81% e a de proteção trabalhista, de 90,72%. Os números fazem parte da edição especial Perspectivas profissionais – nível técnico e superior da publicação Radar, divulgada nesta quarta-feira pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Jornal de Brasília on line: Medicina lidera ‘performancetrabalhista’, aponta Ipea

A medicina ocupa o primeiro lugar em um ranking de “performance trabalhista” que lista 48 carreiras de nível superior. Para chegar a essa conclusão, entram na conta os critérios de melhores salários, jornada de trabalho, taxa de ocupação e cobertura de previdência. A conclusão é do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), que divulgou nesta quarta-feira, 3, edição especial do boletim “Radar”, tratando desta vez do tema “Perspectivas profissionais – nível técnico e superior”.

O segundo lugar na “performance trabalhista” ficou com a carreira de odontologia. A terceira posição ficou com a engenharia civil. No fim da lista ficaram as carreiras de filosofia e ética, outros serviços pessoais (beleza e domésticos) e religião.

R7: Descubra as profissões commelhores salários e mais empregos no Brasil. Ranking do Ipea divulgado nesta quarta-feira (3) mostrouainda os campeões em vagas criadas

Medicina e engenharia são as áreas de nível superior que melhor pagam os seus funcionários, segundo o Ipea. Na primeira colocação estão os pesquisadores de engenharia e tecnologia, com salário de R$ 12.301,35. Em seguida, aparecem os médicos clínicos (R$ 9.505,34) e os médicos especializados em medicina diagnóstica e terapêutica (R$ 8.443,94)

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum