Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

28 de junho de 2015, 10h29

NÃO É SÓ O CASAMENTO GAY, ESTÚPIDO

NÃO É SÓ O CASAMENTO GAY, ESTÚPIDO

Por: Arnaldo Ferreira Marques em seu Facebook

27/06/2015

Além dos conservadores de sempre, algumas pessoas de esquerda resolveram seguir a velha cartilha homofóbica do socialismo real clássico e engatar um mimimi contra a “maré arco-íris” do facebook, apelando até mesmo contra o “imperialismo dos EUA”.
Não vou relativizar os imperialismos de todos os tempos, nem o fato do incensado (por alguns) Putin ser um homofóbico notório e raivoso. Penso que há algo bem mais importante a discutir.
Há quarenta anos, a esquerda clássica rosnava contra os jovens cabeludos que viravam as costas às grandes indústrias e pregavam uma sociedade confederada de comunidades autossustentáveis. Amor livre e uma certa repulsa ao banho davam o aspecto folclórico ao movimento.
Passaram as décadas e hoje o que pauta a Nova Esquerda, ou esquerda Nova Era, são os valores repaginados desses cabeludos.
Agricultura orgânica de minifúndios, indústrias não poluentes e sustentáveis, cooperativas de produção, de cultura, de ocupação do espaço urbano etc.
Nesta segunda década do século 21, os “cabeludos” da vez são, entre outros, os negros, os indígenas, os gays. Grupos que – com algum folclore e excessos aqui e ali, sim – levantam a questão da pluralidade, da convivência entre os diferentes, a própria essência da democracia como ela deve ser.
Quer ignorar, minimizar ou desprezar a luta dos gays? Vá em frente.
Mas você não está entendendo nada.
Você está “apenas” perdendo o futuro.

Veja também:  Frota compartilha foto de hambúrguer e alfineta Eduardo Bolsonaro: "Pra ser embaixador é preciso ter qualificação"

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum