Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

12 de maio de 2013, 12h29

Oldack Miranda: “Entrei para a estatística dos blogueiros perseguidos”

 “Entrei para a estatística dos blogueiros perseguidos”

Por: Oldack Miranda em seu blog: Bahia de Fato, via Facebook

11/05/2013

Vou “compartilhar” o fato. Este blogueiro, jornalista e esforçado comunicador, acaba de receber uma intimação para comparecer à 16ª Delegacia Territorial, localizada à avenida Prof. Magalhães Neto,, nº 20, Pituba (ponto de referência: ao lado da Faculdade Castro Alves). Pela intimação, terei que comparecer lá dia 20 de maio, às 10h30. A intimação explica a finalidade: “Prestar declarações”. Trata-se, segundo o documento, de uma “ocorrência policial”. Não consegui decifrar o nome do delegado ou autoridade que assina a intimação.

Quebrei a cabeça para descobrir de antemão do que se trata. Não briguei, não assaltei, não bati o carro, não bebo, não fumo. Sequer me envolvi em qualquer bate-boca. Mas, não há engano: A intimação é igualzinha à que o meu amigo jornalista Emiliano José também recebeu. Tudo igual, data, hora, delegacia, e a lacônica finalidade: “prestar declarações”. Matei a charada. O pastor Átila Brandão, bispo da Igreja Batista Caminho das Árvores, acusado de torturar o professor Renato Afonso de Carvalho nos anos de chumbo, resolveu ampliar a perseguição. Prestou queixa-crime contra Emiliano José e convenceu um delegado a me intimar para “prestar declarações”.

Meu blog Bahia de Fato e meu facebook deve estar incomodando. Tenho divulgado todos os documentos e notícias sobre o caso Átila Brandão versus Emiliano José. O jornalista Emiliano José assinou reportagem no jornal A Tarde e no site da revista CartaCapital, com depoimentos de D. Yaiá, mãe do professor Renato Afonso e do próprio Renato Afonso. Os dois depoimentos, bem documentados, gravados, denunciam o ex-policial da Polícia Militar, Átila Brandão, como torturador do então militante que combatia a ditadura militar, Renato Afonso.

DECIDI COMPARTILHAR COM OS BLOGUEIROS: DEVO COMPARECER À DELEGACIA?

Leia também:

Do cinismo dos algozes

‘Arquivo do terror’ do Paraguai ajuda Comissão da Verdade a esclarecer Operação Condor

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum