Bia Kicis sugere que “presságio” de Bolsonaro sobre “salvar o Brasil” é ação de militares

Em conversa delirante com outras figuras do submundo da extrema direita, deputada reacionária diz que não faz ideia do que é a “visão”, mas que isso tem a ver com pedido de esclarecimento das Forças Armadas ao TSE

A deputada Bia Kicis (Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado)
Escrito en BRASIL el

A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) disse durante um bate-papo com outros integrantes do núcleo duro da extrema direita brasileira que “não faz ideia do que seja” o tal “presságio” que o presidente Jair Bolsonaro teve na última quinta-feira (10), quando afirmou que “nos próximos dias vai acontecer algo que vai salvar o Brasil”, mas sugeriu que está relacionado a uma ação que será encabeçada pelas Forças Armadas. A conversa aconteceu no Twitter Spaces, uma plataforma de áudio da rede social.

“Eu mesma já fiz vários requerimentos ao TSE e eles nunca responderam. Colocando assim perguntas, dúvidas bem objetivas e eles nunca responderam. Só que quem tá pedindo agora é o Exército, né? São as Forças Armadas. Eles não responderam ainda, então vamos aguardar pra ver se eles vão dar alguma resposta... Porque eu tenho certeza e é como o presidente falou, né... Tem muitas vulnerabilidades. Pode até não ser assim em questão de quantidade, mas de qualidade, sabe? São vulnerabilidades que realmente fazem a diferença, né... Agora, eu te falo uma coisa... Eu não consigo nem imaginar o que o presidente quer dizer quando ele diz que vai ter uma surpresa, que vai acontecer alguma coisa... Eu não sei... Nesse ponto eu tô também como vocês, aguardando pra saber o que farão... O que as Forças Armadas farão caso não tenham uma resposta satisfatória do TSE”, falou a parlamentar bolsonarista, requentando o já batido tema do voto impresso e as suspeitas descabidas do seu grupo político radical sobre a confiabilidade das urnas eletrônicas.

O diálogo da parlamentar com outros integrantes graúdos do bolsonarismo foi gravado pelo fotojornalista Eduardo Matysiak.

Ouça o trecho da conversa no Twitter Spaces:

https://twitter.com/EduardoMatysiak/status/1492150226819371013