CURTIU A FESTA

"Momento inesquecível", diz ex-servidor que entrou no casamento de Lula e Janja como penetra

Antônio de Pádua Freitas Moreira Junior foi demitido da prefeitura de Itapevi (SP) após "invadir" casamento do ex-presidente; "Só tenho a agradecer a oportunidade", disse

Casamento de Lula e Janja.Créditos: Ricardo Stuckert
Escrito en BRASIL el

Demitido da prefeitura de Itapevi (SP) após entrar como "penetra" no casamento do ex-presidente Lula (PT) com a socióloga Rosângela Silva, a Janja, na última quarta-feira (18) em São Paulo, o agora ex-servidor Antônio de Pádua Freitas Moreira Junior diz que viveu "momento inesquecível" na cerimônia. 

“Só tenho a agradecer a oportunidade de ter presenciado esse momento inesquecível. Aproveito para me desculpar aos noivos por qualquer embaraço provocado, o que foi pontualmente resolvido naquela agradável noite", disse Junior em entrevista à CNN Brasil.

Ele era secretário-adjunto da Fazenda e Patrimônio da prefeitura de Itapevi e foi retirado da cerimônia por volta das 23h45 - quase no final da festa - após ter conseguido barrar o sistema de segurança.

“Em mais de 30 anos de efetiva participação em campanhas de diversos e renomados políticos do Brasil –inclusive candidatos ao Senado e a presidente da República–, jamais pratiquei qualquer ato que desabonasse minha conduta. Nesse ínterim, ocupei cargos de confiança sempre de maneira proba e servil”, disse ainda o ex-servidor, que afirma não ser filiado ao PT e que queria apenas ver o ex-presidente. 

Demissão 

O prefeito de Itapevi, Igor Soares, anunciou a demissão de Junior na última sexta-feira (20) por meio de nota oficial.

“A atitude do ex-servidor da prefeitura de Itapevi não condiz com a postura de um agente público de cargo de confiança. Por estes motivos, foi exonerado na data de ontem, com publicação veiculada na edição desta sexta-feira do Diário Oficial do Município, da função de secretário adjunto. Defendo que o respeito ao próximo deve ser a premissa de todo cidadão”, diz o comunicado. 

"Todo ser humano precisa ser respeitado em seus momentos particulares. E a festa de casamento é uma ocasião especial, reservada para amigos convidados”, afirma ainda.