7 DE SETEMBRO

VÍDEO: Bolsonarista faz gesto obsceno a meninas que protestavam em ônibus no Rio

Apoiador de Bolsonaro levou a mão ao próprio pênis em reação a um grupo de meninas que protestou contra passagem de motociata em Copacabana

Bolsonarista faz gesto obsceno para meninas que protestavam em ônibus no Rio.Créditos: Reprodução
Escrito en BRASIL el

Um vídeo divulgado nesta quinta-feira (8) nas redes sociais mostra um bolsonarista reagindo com um gesto obsceno a um protesto de um grupo de meninas que estavam dentro de um ônibus no Rio de Janeiro.

A cena foi gravada em Copacabana, nesta quarta-feira (7), em meio aos atos de apoio a Jair Bolsonaro (PL), que foi à capital fluminense para participar de evento alusivo ao Dia da Independência. 

Das janelas de um ônibus da linha 426 (Usina x Jardim de Alah), 5 meninas e um jovem confrontaram bolsonaristas que passavam pela mesma rua, com gritos em apoio ao ex-presidente Lula (PT).

Nas imagens, é possível ver que um dos apoiadores de Bolsonaro, com uma bandana verde e amarela, atira um copo com líquido contra o grupo, que segue com o protesto. Quando o ônibus se locomove, o mesmo homem vira em direção ao veículo e leva a mão ao próprio pênis. "Aqui pra vocês, ó!", dispara, enquanto balança o órgão genital. 

Assista

Outro protesto em ônibus 

Outro grupo de jovens protagonizou uma foto icônica neste feriado de 7 de setembro, registrada pela jornalista Lola Ferreira, do UOL. 

A imagem, que viralizou nas redes sociais, mostra o momento em que os jovens, das janelas um ônibus da linha 474 (Jacaré x Copacabana), confrontam bolsonaristas que passavam pela mesma rua, com xingamentos e gestos contra os apoiadores de Jair Bolsonaro (PL), e gritos de apoio ao ex-presidente Lula (PT). 

Cerca de dez minutos após o protesto, o Batalhão de Choque da PM entrou no ônibus e retirou justamente os 8 jovens negros que se manifestaram para uma abordagem. Somente eles foram alvo do "enquadro", conforme mostra vídeo gravado por uma testemunha. 

Segundo a jornalista Lola Ferreira, os jovens foram revistados, tiveram suas mochilas abertas e celulares verificados. No vídeo, é possível ver que, na mochila de um dos meninos, um policial encontra alimentos, enquanto com outro jovem o agente acha uma carteira de trabalho.  

A PM, até a publicação desta matéria, não havia explicado o motivo da abordagem e nem detalhado se algo foi apreendido ou se alguém foi preso.