Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de dezembro de 2017, 16h38

Após ser denunciado por agressão e preso por porte ilegal de arma, Naldo paga fiança e é solto

Polícia investiga agressões à mulher dele, Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho. Ela relatou que foi atacada com chutes e socos.

Polícia investiga agressões à mulher dele, Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho. Ela relatou que foi atacada com chutes e socos.

Da Redação*

O cantor e compositor Naldo Benny foi preso em flagrante na tarde desta quarta-feira (6), em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, por posse ilegal de arma de fogo. O artista também foi denunciado pela mulher por agressão, segundo informações da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam). Horas depois de ser detido, Naldo pagou fiança e foi solto.

Ellen Pereira Cardoso, a Mulher Moranguinho, denunciou o marido após ter sido agredida no último sábado (2). Deacord o com ela, durante uma briga, Naldo a agrediu com socos, chutes e puxões de cabelo. Conforme Ellen contou na delegacia, as agressões do artista já acontecem há sete anos, desde antes do casamento dos dois, e seriam motivadas por ciúmes.

Segundo a delegada Viviane Costa, da Delegacia da Mulher, Ellen denunciou o marido porque “cansou” das agressões. Depois da denúncia à Deam, a polícia obteve informações de que o cantor teria uma arma não registrada em casa, que foi apreendida nesta quarta.

Veja também:  Deputada faz próprio "Isso a Globo não mostra" para desmentir Jornal Nacional

*Com informações do G1

Foto: Divulgação


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum