domingo, 20 set 2020
Publicidade

Ataques bolsonaristas impulsionam obras de Paulo Freire

O educador Paulo Freire tem sido alvo frequente de Jair Bolsonaro e seus seguidores, que inclusive tentaram tirar dele o título de patrono da educação brasileira. Segundo o colunista do Jornal O Globo, Ancelmo Góis, essa reação bolsonarista tem provocado o efeito reverso e aumentado as vendas da produção de Freire.

Os ataques de Bolsonaro, Olavo de Carvalho e da “Escola de Richmond” têm gerado curiosidade no mercado editorial, segundo Góis, e a procura por livros do autor tem crêscido. Inicialmente, uma nova biografia de Freire foi publicada, pela Todavia e agora a editora Paz&Terra promete a reedição de quatro clássicos.

Entre as publicações que ganharão novo projeto gráfico está “Pedagogia do oprimido”, o único brasileiro na lista dos 100 títulos mais pedidos nas livrarias das universidades dos EUA. Além desse, serão lançados, em julho, “Pedagogia da autonomia”, “Direitos humanos e educação libertadora” e “Cartas a Cristina”.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.