Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
28 de janeiro de 2020, 08h48

Bala perdida atravessa mão do pai e atinge garoto na cabeça no Rio de Janeiro

Arthur estava com o pai em uma partida de futebol no morro São João quando começou uma intensa troca de tiros

Foto: Reprodução TV Globo

O menino Arthur Gonçalves Monteiro, de cinco anos, foi atingido por uma bala perdida na noite de segunda-feira (27), no Engenho Novo, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Ele foi baleado na cabeça e está em estado grave no Hospital Salgado Filho.

Arthur estava com o pai em uma partida de futebol no morro São João quando começou uma intensa troca de tiros entre policiais da UPP e traficantes. Os criminosos fugiram e ninguém foi preso.

O pai de Arthur, Paulo Roberto Monteiro, se jogou por cima do filho para protegê-lo e foi atingido por uma bala na mão. O projétil atravessou a mão de Paulo Roberto e ficou alojada na cabeça do garoto.

Paulo Roberto também foi levado para hospital, foi atendido, medicado e passa bem. Arthur deu entrada no Hospital Vital e depois foi encaminhado para o Salgado Filho, onde passava por cirurgia na madrugada desta terça-feira.

A Polícia Civil vai investigar de onde partiu o tiro que atingiu Arthur.

Com informações do G1


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum