Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
23 de março de 2019, 11h56

Barragem da Vale em MG entra em alerta máximo de risco para ruptura

“Esse risco de rompimento é real, uma vez que a empresa atestou isso para a Vale e a Vale informou à Defesa Civil”, declarou o tenente coronel Flávio Godinho, da Defesa Civil do estado

Foto: Reprodução/Globo

O risco de uma nova tragédia, como a de Brumadinho, volta a aterrorizar Minas Gerais. Moradores de três mil casas de Barão de Cocais, na Região Central do estado, teriam menos de uma hora para deixar o local, em caso de rompimento da Barragem Sul Superior, da mina de Gongo Soco. As informações são da Defesa Civil.

A estrutura, que alcançou nível três de emergência, neste sábado (23), corre o risco de entrar em colapso a qualquer momento.

“Esse risco de rompimento é real, uma vez que a empresa atestou isso para a Vale e a Vale informou à Defesa Civil”, declarou o tenente coronel Flávio Godinho, da Defesa Civil de Minas Gerais.

Representantes da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar, da Prefeitura de Barão de Cocais e da Vale discutem como será realizado o treinamento destas pessoas. Elas criticam a demora nas providências e que a medida foi tomada tarde demais.

Retirada

Cerca de 450 moradores que viviam na área de autossalvamento estão fora de suas casas desde 8 de fevereiro, quando as sirenes de alerta soaram pela primeira vez. Com o aviso de possibilidade de rompimento, a Defesa Civil tenta preparar os outros moradores que podem ser atingidos em caso de colapso da estrutura. A Vale ainda não se manifestou.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum