Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
11 de julho de 2019, 14h35

Vídeo: Barragem se rompe e inunda povoado de lama na Bahia; ainda não há informações sobre atingidos

Barragem se rompeu no distrito de Quati, cidade Pedro Alexandre, a cerca de 400 quilômetros de Salvador. Por causa da quantidade de lama, as estradas estão intransitáveis, o que dificulta o atendimentos pelos órgãos à população

Barragem rompe em Pedro Alexandre, na Bahia (Reprodução)

Uma barragem se rompeu no distrito de Quati, cidade Pedro Alexandre, localizada a cerca de 435 quilômetros de Salvador, por volta das 11 horas da manhã desta quinta-feira (11). Não há informações ainda sobre pessoas atingidas.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Segundo informações da Defesa Civil da cidade, as fortes chuvas que caem na região do Rio do Peixe contribuíram para o rompimento da estrutura. Não há informações sobre feridos.

Por causa da quantidade de lama, as estradas estão intransitáveis, o que dificulta o atendimentos pelos órgãos à população.

Ainda não há detalhes sobre a composição da barragem. A Defesa Civil ainda não tem detalhes sobre o tamanho e a quem pertence a estrutura.

Veja vídeo do rompimento da barragem

Coronel João Sá
Carlinhos Sobral, prefeito de Coronel João Sá, que fica próxima a Pedro Alexandre e deve ser atingida pela lama, publicou um vídeo nas redes sociais alertando sobre o risco das pessoas continuarem nas casas.

“Pessoal, a barragem do Quati estourou. É uma situação atípica. Nunca aconteceu isso com essa barragem. Nós não sabemos as consequências. Eu peço encarecidamente que todas a as pessoas que moram em área de risco que saiam das suas casas, que peguem seus documentos pessoais, peguem seus objetos de valores, o que puderem levar. A gente não sabe as consequências, nunca passamos por ela. É melhor prevenir. Estou monitorando. Todas as escolas já estão disponíveis para receber as pessoas”.

Atualizada às 14h56


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum