Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
30 de janeiro de 2020, 20h41

Bolsonaro dá entrada no Hospital das Forças Armadas e vai para a ala de cirurgias

Planalto ainda não informou motivo da ida ao hospital, mas Bolsonaro, que já deixou o local, havia avisado que não faria sua tradicional transmissão ao vivo de quinta-feira; compromissos do presidente na sexta-feira já teriam sido cancelados

Reprodução/Youtube

O presidente Jair Bolsonaro deu entrada, no início da noite desta quinta-feira (30), no Hospital das Forças Armadas em Brasília. O Planalto ainda não informou o motivo da ida de Bolsonaro ao hospital, mas o jornal Correio Braziliense informa que fontes da unidade de saúde deram conta de que o presidente foi levado ao oitavo andar do hospital, onde fica a ala de cirurgias.

O presidente teria, de acordo com o portal G1, ficado apenas uma hora e meia no local e deixado o hospital através de uma saída reservada.

Na quarta-feira (29), pelo Twitter, Bolsonaro já havia afirmado que não faria sua tradicional live de quinta-feira. Segundo informações da Rádio Jornal em Brasília, os compromissos do presidente na sexta-feira (31) já teriam, inclusive, sido todos cancelados. Na agenda oficial de Bolsonaro, de fato, não há nenhum compromisso para a data.

A última vez que Bolsonaro esteve no hospital foi no mês passado, para a realização de exames de rotina.

De acordo com o site Poder 360, o presidente passou, nesta quinta-feira, por exames, e há a possibilidade de ser submetido a uma cirurgia para corrigir uma hérnia no abdômen. A última cirurgia que fez, em setembro de 2019, inclusive, foi justamente para a correção de uma hérnia próxima ao corte das cirurgias que o presidente realizou em decorrência da facada que levou durante a campanha em 2018.

Desde que foi acometido pela facada, Bolsonaro passou por quatro procedimentos cirúrgicos.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum