Brasil

Braço direito de Moro, ex-diretor da PF sai da “geladeira” para estudar nos EUA

Maurício Valeixo, que foi superintendente da Polícia Federal durante a Lava Jato, estava em Curitiba, sem função, desde que saiu da direção da instituição, em abril de 2020

Compartilhar

O atual diretor-geral da Polícia Federal (PF), Paulo Maiurino, resolveu tirar da “geladeira” seu antecessor, Maurício Valeixo. O ex-comandante da PF foi braço direito de Sergio Moro, quando o ex-juiz era ministro da Justiça de Jair Bolsonaro.

Maiurino decidiu que Valeixo vai para Washington, com o objetivo de cursar mestrado no Colégio Interamericano de Defesa da Organização dos Estados Americanos (OEA). A previsão é que ele permaneça dois anos na capital estadunidense.

O braço direito de Moro estava em Curitiba, sem função, desde que saiu da direção da PF, em abril de 2020, de acordo com informações do blog de Lauro Jardim, em O Globo.

Ele havia sido indicado para ser adido na embaixada do Brasil em Lisboa, Portugal, em 2021. Porém, a burocracia não andou na Casa Civil.

A nomeação foi um compromisso assumido por Maiurino com Valeixo, logo depois da troca de função.

Ex-diretor da PF foi “fritado” por Bolsonaro

Pivô do pedido de demissão de Moro do Ministério da Justiça, quando o ex-juiz da Lava Jato foi alçado a novo inimigo da horda bolsonarista, Valeixo entrou em um processo de “fritura a fogo baixo” por Jair Bolsonaro.

Desde que deixou a direção da PF, o amigo de Moro, que atuou como superintendente da corporação em Curitiba durante a Lava Jato, aguardava sua nomeação para a função de adido em Portugal, o que acabou não ocorrendo.

Queda de Valeixo mostrou intromissão de Bolsonaro na PF

A saída de Valeixo do comando da PF mostrou que, de fato, Bolsonaro interferiu na instituição. Mensagens enviadas pelo presidente ao então ministro Moro comprovam o fato.

Moro, Valeixo sai esta semana”, escreveu Bolsonaro. “Está decidido”, afirmou o presidente, em outra mensagem, enviada na sequência. E encerrou: “Você pode dizer apenas a forma. A pedido ou ex oficio (sic)”.

Este post foi modificado pela última vez em 1 dez 2021 - 13:37 13:37

Lucas Vasques

Jornalista e redator da Revista Fórum.

Por
Lucas Vasques

Última hora

  • Valerio Arcary

Por que marxistas devem defender as cotas raciais? – Por Valerio Arcary

Não é a luta contra o racismo que explica a raiva, exasperação e fúria dos…

20 jan 2022 - 23:20
  • Brasil

Damares e Queiroga visitam criança que teve parada cardíaca mesmo após relação com vacina ser descartada

Ministros parecem estar fazendo campanha antivacina, visto que especialistas já apontaram que parada cardíaca de…

20 jan 2022 - 22:50
  • Cultura

Apanhado do cinema 2021 – Por Cesar Castanha

Confira o que de melhor rolou nas telonas em 2021 no artigo do crítico Cesar…

20 jan 2022 - 22:10
  • Pop Notícias

BBB: Vyni revela que se formou com bolsa do Prouni e Haddad comemora

O ex-ministro Fernando Haddad compartilhou depoimento do participante do BBB; confira

20 jan 2022 - 22:08
  • Política

Vitória em 1º turno à vista: Lula tem a soma de todos os candidatos, diz nova pesquisa

Levantamento PoderData mostra que petista cresceu 2 pontos, enquanto Bolsonaro perdeu o mesmo percentual e…

20 jan 2022 - 21:44
  • Opinião

O homem está trabalhando: não para o povo, mas para se reeleger – Por Raphael Fagundes

Bolsonaro não quer trabalhar, ele quer apenas se reeleger. Aliás, para um político com mais…

20 jan 2022 - 21:40