Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
04 de abril de 2019, 18h00

Caetano Veloso vai interpelar na Justiça bispo que disse desejar dar veneno de rato a ele

“E tem um imbecil que nos anos 70 cantou que é proibido proibir. Gostaria de dar veneno de rato para ele”, relatou o bispo, durante missa no dia 31 de março, "aniversário” do golpe

Foto: TV Globo/Divulgação

O músico Caetano Veloso decidiu que vai interpelar na Justiça Dom José Francisco Falcão, bispo auxiliar do Ordinariado Militar do Brasil, de acordo com informações de Guilherme Amado, da Época.

Em missa na noite do dia 31 de março, “aniversário” do golpe de 1964, com a presença de Joseita Brilhante Ustra, viúva do coronel Brilhante Ustra, o bispo disse que gostaria de “dar veneno de rato” para Caetano Veloso.

Ao tratar de disciplina e hierarquia, Falcão afirmou que até mesmo as liberdades têm suas restrições. E citou uma canção de Caetano: “É proibido proibir”.

“E tem um imbecil que nos anos 70 cantou que é proibido proibir. Gostaria de dar veneno de rato para ele”, relatou o bispo.

Caetano quer que o bispo diga judicialmente quem é o imbecil. E quem é a pessoa que ele gostaria de matar com veneno de rato.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum