Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
17 de setembro de 2019, 11h53

Candidatos dormem em fila de mutirão de empregos em SP

Mais de mil pessoas formaram fila na manhã desta terça-feira (17) para concorrer a uma das 4 mil vagas oferecidas em um mutirão de empregos no Vale do Anhangabaú

Fila de candidatos para mutirão de emprego no centro de São Paulo (Foto: Reprodução/TV Globo)

Mais de mil pessoas formaram fila na manhã desta terça-feira (17) para concorrer a uma das 4 mil vagas oferecidas em um mutirão de empregos no Vale do Anhangabaú, centro de São Paulo. Os candidatos começaram a chegar na sede do Sindicato dos Comerciários na tarde desta segunda (16) e dormiram no local para conseguir uma senha.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

As vagas oferecidas por mais de 40 empresas são para trabalhar como: ajudantes gerais, caixas, repositores, padeiros, confeiteiros, vendedores, entre outros. Segundo a organização do evento, serão distribuídas 1.500 senhas por dia para os candidatos até a próxima sexta-feira (20).

Desemprego

Depois de atingir recorde na taxa de subutilização da força de trabalho, o desemprego no Brasil começou a recuar neste segundo semestre, saindo de 12,5% para 11,8%, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Apesar da queda, o número de trabalhadores que seguem em busca de um trabalho ainda soma 12,6 milhões de pessoas no Brasil.

Ainda segundo o IBGE, o número de ocupados subiu principalmente pelo aumento do trabalho informal. A quantidade de trabalhadores por conta própria também atingiu o maior patamar da série: 24,2 milhões de pessoas.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum