Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
26 de março de 2018, 18h51

Comunidade acadêmica da UnB protesta contra ameaça de demissões

Aproximadamente 270 postos de trabalhos estariam em risco; Universidade de Brasília “vive um processo de asfixia orçamentária”, segundo dirigente do Sindicato dos Trabalhadores da Fundação UnB

No ano passado, a Universidade reduziu em 28% o contrato de limpeza. Com isso, a empresa terceirizada dispensou 132 funcionários – Foto: Luis Gustavo Prado/Secom UnB

Estudantes, trabalhadores terceirizados, servidores, além de professores da Universidade de Brasília (UnB), realizaram um protesto nesta segunda-feira (26) contra a ameaça de demissão de nada menos do que 270 funcionários do serviço de limpeza da instituição. O Sindicato dos Trabalhadores da Fundação Universidade de Brasília (SintFub) revela que a previsão de desligamento consta num processo que tramita na prefeitura da UnB, segundo informações do Brasil de Fato.

Integrante da coordenação da entidade, o dirigente Rogério Marzola destaca que a universidade “vive um processo de asfixia orçamentária desde a implantação do teto dos gastos públicos federais (Emenda Constitucional N° 95), aprovado em 2016”. No ano passado, a instituição sofreu um corte de 45% na verba que é utilizada, por exemplo, para despesas com água, energia elétrica e limpeza.

O contexto de restrição orçamentária já provocou outras demissões. No ano passado, a Universidade reduziu em 28% o contrato de limpeza. Com isso, a empresa terceirizada dispensou 132 funcionários.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum