Ao menos 35 pacientes com Covid-19 morrem à espera de leitos em SC

Quase metade das mortes ocorreu em hospital que alega não ter espaço físico ou pessoal para atender os doentes. "Estamos 100% lotados", dizem

Ao menos 35 pacientes com Covid-19 morreram em Santa Catarina enquanto aguardavam por leitos em UTI ou enfermarias. A maioria morreu na região oeste do estado, sendo 15 em Xanxerê, no Hospital Regional São Paulo. A informação é do portal Poder 360.

“Não há mais espaço físico, estrutura e pessoal para atender à grande demanda e que cresce diariamente. Estamos com nossa unidade 100% lotada em todos os ambientes […] Estamos vivendo o pior momento desde o início da pandemia da covid-19. Não iremos viver uma catástrofe, já estamos nela”, comunicou o hospital, em nota oficial.

Em Chapecó, 12 pessoas morreram em unidade de pronto atendimento (UPAs), enquanto aguardavam transferência para hospitais. Outros seis pacientes morreram enquanto aguardavam transferência no Hospital Regional Terezinha Gaio Basso, em São Miguel do Oeste.

As outras duas mortes ocorreram na cidade de Maravilha e em Itapema.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde, 16 pacientes devem ser transferidos para o Espírito Santo. Trata-se da primeira vez que Santa Catarina transfere pacientes para outros estados.

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.