Campeã da São Silvestre e ex-atleta olímpica, Roseli Machado morre por Covid-19

Dona de uma carreira vitoriosa no esporte, Roseli, de 52 anos, estava intubada havia duas semanas, em um hospital de Curitiba

A ex-atleta olímpica e campeã da São Silvestre em 1996, Roseli Aparecida Machado, morreu, nesta quinta-feira (8), vítima de complicações da Covid-19. A informação foi confirmada pela Confederação Brasileira e Atletismo (CBAT).

Roseli, de 52 anos, estava intubada havia duas semanas, em um hospital de Curitiba. Além de conquistar a tradicional São Silvestre de 1996, ela representou o Brasil nos Jogos Olímpicos de Atlanta, no mesmo ano.

“Roseli teve uma história no atletismo brasileiro, venceu a São Silvestre, integrou a seleção brasileira, treinou nos Estados Unidos. Nós tínhamos uma grande amizade, fomos atletas pelo mesmo clube, treinamos juntos quando eu era juvenil, defendemos Londrina no começo das nossas carreiras. Estou muito sentido, vem as lembranças. Treinamos juntos na pista de Londrina quando era de saibro ainda”, disse Wlamir Motta Campos, presidente da CBAT.

Atleta de ponta

Roseli nasceu em Coronel Macedo, no interior de São Paulo, mas cresceu em Santana do Itararé, no Paraná. Ela começou a praticar atletismo aos 14 anos e foi uma atleta de ponta até sua aposentadoria, em 1997, com 29 anos.

Com informações de O Globo

Avatar de Lucas Vasques

Lucas Vasques

Jornalista e redator da Revista Fórum.