Governadores do Nordeste viabilizam compra de 39 milhões de doses da Sputnik V

Pressionado, o ministro Pazuello aceitou um contrato articulado pelos governadores e irá bancar a compra

Os governadores do Nordeste anunciaram nesta quinta-feira (11) que o Ministério da Saúde vai comprar 39 milhões de doses da vacina Sputinik V, desenvolvida pelo Centro Gamaleya, da Rússia, para o combate à pandemia de Covid-19. O anúncio foi feito um dia depois do presidente Jair Bolsonaro sancionar lei que permite a compra de doses de imunizantes por estados e municípios.

A governador do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), e o governador do Piauí, Wellington Dias (PT), principais atores na articulação dos governos com o Ministério da Saúde, foram os que anunciaram a novidade. O ministro Eduardo Pazuello participou do Fórum dos Governadores do Nordeste nesta quinta.

“Para garantir que todas as vacinas sejam para o Plano Nacional de Imunização (PNI), acertamos com o ministro Pazuello um agenda e aqui foi firmado um entedimento: o ministério vai comprar as vacinas e com base nessa compra nós vamos garantir as condições de vacinas para todos os brasileiros”, declarou Dias.

“Serão 39 milhões de doses já neste contrato e será agendado já pela manhã as condições da contratação de vacina da Sputnik com o fundo soberano russo, com a União Química e com o Ministério da Saúde aqui através deste entendimento com o Consórcio Nordeste”, completou.

Bezerra exaltou o espírito colaborativo do governador da Bahia, Rui Costa (PT). Costa negocia diretamente com o Fundo Soberano Russo há meses e tinha a intenção inicial de comprar 50 milhões de doses para o estado. Com o entendimento da Saúde, o governador anunciou que o estado irá comprar 6 milhões de doses do imunizante.

“Amanhã, finalmente, tudo pronto para assinar o contrato com o Fundo Soberano Russo da vacina Sputnik. Assinado o contrato, teremos ainda em março lotes adicionais de vacina”, anunciou em suas redes sociais o governador da Bahia, Rui Costa (PT).

A sanção da Lei Ordinária 14124/2021 facilitou a compra de imunizantes que tenham sido aprovados em agências reguladoras da Rússia, da Índia, da Coreia do Sul, do Canadá, da Argentina e da Austrália. A Sputnik foi aprovada na Rússia e na Argentina.

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.