Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
30 de dezembro de 2019, 12h50

Cruzeiro acusa Fábio Mello, empresário do jogador Fabrício, de furtar documentos da sede do clube

O zagueiro Fabrício Bruno requereu na Justiça a rescisão do contrato com o Cruzeiro e cobra do clube o pagamento de R$ 3,5 milhões

Foto: Twitter

O Cruzeiro Esporte Clube, de Minas Gerais, acusa o empresário Fábio Mello, agente do zagueiro Fabrício Bruno entre outros jogadores, de furtar documentos do atleta da sede do clube.

O caso, segundo o clube, teria acontecido após uma reunião e será comunicado à Polícia Militar pelo novo presidente do Cruzeiro, Vittorio Medioli.

O zagueiro Fabrício Bruno requereu na Justiça a rescisão do contrato com o Cruzeiro e cobra do clube o pagamento de R$ 3,5 milhões, referentes a direitos de imagem atrasados (de junho a novembro deste ano), FGTS (pendente desde maio), e os vencimentos totais até o fim do vínculo, em dezembro de 2021.

Na manhã desta segunda, a diretoria do Cruzeiro emitiu uma nota, lamentando o caso. Leia abaixo:

O Cruzeiro EC vem a público lamentar o comportamento do agente de jogadores, Fábio Mello, que após uma reunião com o CEO do Núcleo Dirigente Transitório, Vittorio Medioli, tentou se apoderar de alguns documentos sigilosos do Clube, retornando à sala de reuniões que, no momento, estava vazia.

Após a reunião, Fábio Mello se aproveitou de uma rápida saída de Medioli, retornou à sala e levou consigo vários documentos.

Ao perceber os movimentos do agente pelo reflexo do vidro, Medioli o abordou na porta do elevador e conseguiu recuperar a maioria dos documentos, mas um destes acabou escapando e sua falta foi notada somente após uma conferência detalhada.

Vittorio Medioli confirmou que irá registrar um boletim de ocorrência na delegacia de polícia.

Lembrando que o  Fábio Mello foi à Sede Administrativa do Clube para discutir o assunto Fabrício Bruno, que perdeu a primeira liminar na justiça. O agente insiste em levá-lo definitivamente para o Celtic, de Glasgow.

Com informações do UAI


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum